Relatório: Fortress oferece até US$ 900 por cada Bitcoin do MtGox

A Fortress Investment Group está comprando créditos de bitcoin (BTC) de credores do Monte. Gox, de acordo com um relatório da CoinDesk em 8 de julho.

O  exchange de criptomoeda baseada no JapãoMt. A Gox entrou com pedido de falência em 2014, depois de perder US$ 473 milhões em bitcoin na época devido a uma aparente invasão. Bitcoin supostamente experimentou um declínio subseqüente no valor, caindo em 36% durante o mês em que isso ocorreu.

De acordo com o relatório, o executivo da Fortress, Michael Hourigan, enviou uma carta aos credores detalhando a oferta de recompra. De acordo com uma cópia aparente de tal carta, a Fortress se ofereceu para comprar os créditos de bitcoin pagamendo aproximadamente o dobro do valor da falência.

O valor do Bitcoin no momento em que o Gox foi declarado insolvente seria de US$ 451, Hourigan, entretanto, oferecer até US$ 900 por moeda. 

A carta também observa que a compra pode ser feita em criptomoeda, com bitcoin, ou em  fiat e que a oferta permanece até 31 de julho.

Como o Cointelegraph relatou em abril, os credores da Gox podem ter seus bitcoin que constavam na plataforma vinculados automaticamente ao seus nomes, sem que seja necessário reinvidicar a posse deles. Um usuário do Reddit chamado DerEwige circulou uma captura de tela não verificada de um email, que diz:

“Os credores que se opuseram à sua reivindicação de reabilitação auto-aprovada retiraram suas objeções. Como resultado, a aprovação de sua reivindicação de reabilitação auto-aprovada tornou-se efetiva e você não precisa mais registrar uma solicitação de avaliação dos sinistros. ”

DerEwige interpretou isso como significando que os usuários do MtGoz que não registraram uma reivindicação de reabilitação após perderem suas criptomoedas tiveram uma reivindicação automaticamente arquivada em seu nome, que agora foi aprovada.