Aplicativos blockchain de relacionamentos prometem recompensas em criptomoedas para 'cupidos'

As aplicações de relacionamentos amorosos, ou dating apps, chegaram à blockchain. Como noticiou o portal OZY, a tecnologia do Bitcoin já é adotada por aplicativos de relacionamentos e ainda supostamente oferecem recompensas em criptomoedas para quem atuar como "cupido".

A matéria exemplifica o app Ponder, lançado em 2017 e que já conta com mais de 70 mil utilizadores. O app permite não apenas "dar match" entre pessoas com interesses em comum, como também indicar duas pessoas e receber recompensas em criptomoedas por isso.

O texto diz ainda que cada vez que indicadas duas pessoas "curtem-se" através do aplicativo, o suposto cupido recebe até US$ 10. Se um dia as pessoas indicadas vierem a se casar, a pessoa que os uniu pode receber até US$ 1.000, segundo o app.

Já outro app Viola.AI, desenvolvido por uma empresa de Singapura, usa blockchain para segurança do usuário, criando um "registro transparente, aberto e acessível a todos usuários". Eles prometem oferecer "confiança e segurança" através da blockchain e usam IA para unir os interesses em comum e garantir a identidade real dos usuários.