Porto Rico tem primeiro depósito de cliente em novo banco cripto

A plataforma de negociação de criptomoedas de Porto Rico San Juan Mercantile Exchange (SJMX) lançou suas operações bancárias através de sua nova subsidiária, segundo a empresa anunciou em press release de 2 de abril.

A SJMX, que funciona como uma exchange e associação para negociantes de ativos digitais, está buscando expandir sua atuação para atrair investidores institucionais.

A nova iniciativa, chamada San Juan Mercantile Bank & Trust International (SJMBT), recebeu licença bancária dos reguladores de Porto Rico no mês passado.

Com o comprovante do primeiro depósito, o banco agora está oficialmente aberto para negócios, oferecendo a clientes institucionais mais de um pacote completo de serviços para suas necessidades comerciais.

“O início das operações bancárias da SJMBT é um marco importante”, disse o presidente e diretor de operações da SJMBT, Nick Varelakis, no comunicado, completando:

“Os participantes do mercado institucional no espaço dos ativos digitais agora têm acesso a um parceiro bancário operacional, licenciado e totalmente regulado que oferece um ambiente seguro para correspondência e a liquidação de transações de ativos digitais." 

A notícia vem seguida da rápida expansção de serviços institucionais pelo mundo. Como o Cointelegraph publicou mais cedo nesta terça, o BC Group de Hong Kong também lançou sua primeira solução de custódia segurada da Ásia.

O sentimento do mercado sobre investidores institucionais continua misto, já que reguladores dos Estados Unidos continuam a ponterar sobre as ofertas proteladas, como a plataforma de negociação Bakkt. Originalmente planejada pra novembro, o projeto tem sofrido diversos adiamentos, enquanto autoridades dizem que estão tratando a aplicação, e outras similares, em caráter de urgência.