Banco Central da Polônia financia secretamente vídeos no Youtube com propaganda contra cripto

O Banco Central da Polônia admitiu que financiou campanhas contra criptomoedas nas redes sociais, especificamente o youtuber Marcin Dubiel e seu vídeo de dezembro de 2017, "PERDI TODO O DINHEIRO?!", relatou o portal de notícias polonês money.pl.

A campanha contra cripto na rede social foi realizada pelo Banco Central da Polônia, em conjunto com a rede Gamellon parceira do Youtube polonês, a Google Ireland Limited e a Facebook Ireland Limited, alocando cerca de 91 000 zloty (cerca de US $ 27 000) para produzir conteúdo anticripto.

O Money.pl relata que dentro da campanha do Banco Central houve também vídeos publicados no canal do Youtube Planeta Faktów (Planeta dos Fatos), que possui mais de 1,5 milhão de inscritos. O canal do Youtube de Dubiel tem mais de 900 mil inscritos.

O vídeo de Dubiel não menciona o aspecto de pagamento da inspiração do youtuber. Desde 8 de dezembro de 2017, a história digital de Dubiel de um jovem que investe todo seu dinheiro em cripto apenas para perdê-lo, chegou as mais de 500 mil visualizações.

Youtube

A descrição do vídeo contém um hashtag #uważajnakryptowaluty, que é o site parceiro da Autoridade Polonesa da Supervisão Financeira e do Banco Central da Polônia dedicado às advertências contra o uso de criptomoedas.

O clímax dramático do clipe acontece num restaurante quando o personagem principal não consegue pagar a refeição da sua namorada com seu novo investimento em criptomoeda, levando-a a jogar o dinheiro fiduciário na cara dele e ir embora zangada.

Embora os problemas com anúncios on-line relacionados à criptomoedas tenham surgido recentemente, com a China  alegadamente proibindo todos os anúncios desse tipo em redes sociais no país, os anúncios contra criptomoedas são mais incomuns.

Depois de reconhecer oficialmente tanto a negociação quanto a mineração de criptomoedas em fevereiro de 2017, a  Polônia parece ter ficado fora do ciclo de notícias sobre cripto. Todavia, depois que Nicolas Maduro anunciou o lançamento da criptomoeda nacional na Venezuela, o Petro, a Polônia, é um dos investidores estrangeiros dispostos a trocar alimentos e remédios pela nova moeda.

O vídeo termina com o "mal" cripto investidor que levou Dubiel a parar de rir enquanto contava suas riquezas em fiduciário.

Youtube