A maior cadeia de lojas de conveniência da Coréia do Sul aceita pagamentos via blockchain

O aplicativo de pagamentos móveis CHAI, está lançando pagamentos baseados na blockchain em 13.500 lojas de conveniência na Coréia do Sul.

De acordo com um comunicado de imprensa de 7 de outubro, compartilhado com o Cointelegraph pela startup Terra, o CHAI - que opera na Terra blockchain - agora será aceito como meio de pagamento na principal cadeia de lojas de conveniência do país.

O suporte aos pagamentos será adicionado até o final de 2019, após uma parceria entre o CHAI e a operadora de lojas de conveniência BGF Retail, proprietária das lojas CU.

Pelo lançamento, o CHAI também oferecerá baixas taxas de transação aos comerciantes e descontos contínuos de 5 a 10% para os compradores. O anúncio também afirma que o aplicativo "está integrado a sete plataformas de comércio eletrônico convencionais, com uma base de usuários superior a 450.000".

Por fim, a empresa afirma ter firmado uma parceria com o BC Card (supostamente o maior processador de pagamento da Coréia do Sul) para lançar um cartão de débito pré-pago no início de 2020.

Como o Cointelegraph relatou em agosto, a Terra também adicionou à sua aliança de comércio eletrônico a plataforma de streaming sul-coreana Bugs e a plataforma de moda B2B Sinsang Market.

Bitcoin é aceito por varejistas franceses

As criptomoedas estão se tornando mais comuns nas lojas em todo o mundo, já que os varejistas fazem parcerias com empresas de cripto para expandir as opções de pagamento para seus clientes.

Em setembro, o Cointelegraph informou que o suporte à pagamentos em Bitcoin (BTC) será lançado em mais de 25.000 pontos de venda, para 30 varejistas franceses, após uma parceria entre o provedor de tecnologia de ponto de venda Global POS e a plataforma de aplicativos e pagamentos Easy2Play.