Maior app de bate-papo japonês, o LINE, abre uma casa de câmbio digital para seus mais de 200 milhões de usuários mensais

O principal aplicativo social japonês de mensagens, o LINE, anunciou hoje, 31 de Janeiro, que está lançando sua exchange (casa de câmbio digital) e espaço de transações no aplicativo para seus 200 milhões usuários ativos mensais.

De acordo com a declaração oficial da LINE hoje, a sua aplicação para operar uma nova exchange está atualmente aguardando os reguladores japoneses.

O Japão começou a operar um esquema de licenciamento para casas de câmbio digital em 2017. O governo já aprovou mais de vinte exchanges que se juntaram ao que se tornou uma indústria popular , envolvendo várias grandes corporações.

Em sua declaração oficial, a LINE disse que estava estabelecendo uma nova empresa, a LINE Financial Corporation, para servir como base para " fornecer uma variedade de serviços financeiros, incluindo um local para transacionar moedas, empréstimos e seguros virtuais ”.

A possibilidade de transações de criptomoedas no aplicativo irá complementar o serviço de pagamento móvel já existente na LINE, a LINE Pay, que até à data tem cerca de 40 milhões de usuários registrados .

Além disso, a plataforma visa " promover pesquisa e desenvolvimento de tecnologias como blockchain, ", mas não especificou exatamente como isso irá tomar forma.

Após a casa de câmbio digital japonesa Coincheck experimentar um roubo de $530 milhões na semana passada, os especialistas avisaram que a imagem das criptomoedas pode ser abalada ao olhar público a médio prazo, algo que o novo envolvimento de marcas bem conhecidas como a LINE poderia ajudar a aliviar.

O Japão procurou se distanciar das posições mais restritivas sobre o uso de criptomoedas tomadas pela China e Coreia do Sul no ano passado e que continuam em 2018.


Siga-nos no Facebook