Lightning Labs lança cliente da rede Lightning para a rede principal do Bitcoin

A Lightning Labs, empresa de desenvolvimento de blockchain, anunciou que lançou a primeira versão alfa de seu cliente rede Lightning (LN) para a rede principal do Bitcoin (BTC), de acordo com um post publicado no dia 23 de abril.

O anúncio especifica que esta ainda é uma versão inicial destinada a testadores e desenvolvedores dispostos a começar a experimentar o software. Os desenvolvedores também alertam que os usuários não devem colocar mais fundos no aplicativo do que eles estão dispostos a perder.

Além disso, enquanto o lançamento suporta macOS, Windows e Linux, o post também especifica que é um passo importante no desenvolvimento de uma versão móvel. A equipe observa:

"Estamos trabalhando o mais rápido possível para lançar nossos principais aplicativos iOS e Android em breve".

A Lightning Labs também afirma estar comprometida com a privacidade, segurança e autodeterminação, os princípios sobre os quais acredita que o Bitcoin foi construído. O anúncio explica que, para entregar um sistema alinhado com esses princípios, a empresa precisa liberar uma solução de cliente não custodial fácil de usar. O post prossegue:

“Poder escalar Bitcoin e Lightning significa não exigir de todos que as pessoas sigam processos complexos de configuração ou entreguem o controle de seus fundos a representantes confiáveis.”

A solução recém-lançada usa o Neutrino Bitcoin Light Client, que permite o uso da solução de escalabilidade da LN sem fazer o download de toda a blockchain antes ou entregar o controle sobre os fundos. De acordo com o anúncio, o Neutrino só precisa baixar e verificar dezenas de megabytes, o que pode ser feito em minutos, permitindo o uso prático em smartphones e outros dispositivos de baixo consumo.

Como o Cointelegraph informou ontem, a startup de processamento de pagamentos de cripto Moon está lançando uma extensão de navegador que permite que os compradores do comércio eletrônico usem suas carteiras de Bitcoin LN para compras em sites como a Amazon.

Além disso, no início do mês de abril, foi divulgada a notícia de que a startup americana Sparkswap concluiu uma rodada bem-sucedida de financiamento semente para criar uma exchange descentralizada baseada no Bitcoin LN.