Japão: Gigante do e-commerce Rakuten vai transferir exchange cripto para nova subsidiária de pagamentos

A empresa japonesa de comércio eletrônico Rakuten anunciou uma revisão em sua reestruturação corporativa, estabelecendo uma nova subsidiária de pagamentos que inclui seu negócio de criptomoeda, informou a Cointelegraph Japão em 21 de janeiro.

A Rakuten, conhecida informalmente como a "Amazon do Japão", revelou inicialmente em agosto do ano passado que tentaria reorganizar seus vários ramos a fim de melhorar a responsabilização e os processos de tomada de decisão.

Agora, a empresa diz que vai renomear sua subsidiária de fidelidade, a Spotlight Inc., para uma nova entidade, a Rakuten Payment, que também administrará sua exchange cripto.

A Rakuten Payment, juntamente com outros detalhes da reestruturação, deve começar a operar em 1º de abril, afirmou a empresa em um comunicado de imprensa de 18 de janeiro.

Uma vez lançada, ela fomará um organização responsável por duas operações: a exchange cripto Everybody's Bitcoin, que a Rakuten também adquiriu em agosto passado, e o serviço de cartão pré-pago Rakuten Edy.

Funcionários explicam no comunicado de imprensa:

“Estamos preparando a reorganização do grupo através de um desdobramento da empresa, para esclarecer a responsabilidade, melhorar a eficiência do gerenciamento e otimizar a alocação de recursos, para assim aumentar e expandir ainda mais o ecossistema Rakuten e maximizar o valor corporativo.”

A Rakuten está interessada na criptosfera há vários anos, optando por aceitar o Bitcoin (BTC) em sua plataforma pela primeira vez em 2015.

A abordagem prática do setor espelha a de outras importantes entidades de internet japonesas como o SBI Group, que, além de sua própria exchange, também investe pesado em startups relacionadas.