FMI emite recomendações sobre a regulação da tecnologia de livro-razão distribuído

O Fundo Monetário Internacional (FMI) emitiu seu relatório sobre os desdobramentos no setor de tecnologia financeira (Fintech). Eles colocaram um foco particular no setor de pagamentos transfronteiriços em rápido crescimento.

O relatório oferece recomendações sobre como regular efetivamente a tecnologia de livro-razão distribuído (DLT) e as moedas digitais que o utilizam.

Recomendações do FMI

Em seu relatório, o FMI destaca que:

"Novas tecnologias podem exigir que as jurisdições revisem as regras que regem a propriedade e os direitos e deveres contratuais".

A organização recomendou diretrizes mais rigorosas sobre o conheça seu cliente (KYC) e a supervisão regulatória. O FMI informa que esse regulamento irá impedir a lavagem de dinheiro, a evasão fiscal e o financiamento do terrorismo.

Eles também sugeriram que haja uma discussão sobre como equilibrar as considerações de privacidade e transparência, que o FMI acredita que ajudará na adoção pelo consumidor de DLT e moedas virtuais.

Reações ao relat&oa