Huawei assina acordo com setor de pesquisa de criptomoeda do Banco Central da China

A gigante multinacional de telecomunicações e eletrônicos de consumo Huawei assinou um acordo de cooperação estratégica com o banco central da China, o Banco Popular da China (PBoC).

De acordo com uma declaração no canal WeChat da Huawei, em 4 de novembro, o vice-presidente do PBoC, Fan Yifei, participou da assinatura de um acordo de cooperação em pesquisa fintech, entre a Huawei e o PBoC’s Digital Currency Research Institute, na sede da Huawei, em Shenzhen.

O anúncio não mencionou detalhes sobre o acordo ou se inclui pesquisa conjunta sobre tecnologia blockchain ou moedas digitais. A Huawei não respondeu ao pedido de comentário do Cointelegraph até o momento desta publicação.

Huawei está ativa no espaço blockchain

A Huawei tem desenvolvido ativamente seus recursos de blockchain nos últimos anos. Em abril de 2018, a empresa lançou sua plataforma blockchain, baseada em Hyperledger - Blockchain Service - um mês após o lançamento do projeto conjunto Caliper, da Huawei e da Hyperledger.

Em junho, a empresa estava considerando o lançamento de serviços de blockchain na América Latina. Em declarações ao Cointelegraph Brasil, um executivo anônimo da Huawei disse na conferência CIAB Febraban, em 11 de junho, que seus produtos e serviços habilitados para blockchain podem estar disponíveis no continente em um futuro próximo.

China busca agressivamente o desenvolvimento de blockchain e criptomoeda

Nos últimos anos, o governo chinês não perdeu tempo em buscar o desenvolvimento e a inovação da blockchain dentro do país, ao tentar ser o líder global em tecnologias emergentes de contabilidade distribuída.

O banco central da China fundou o Digital Currency Research Institute em junho de 2017, concentrando seus esforços na tecnologia blockchain e fintech's.

Em junho de 2019, o Cointelegraph informou que a China está concorrendo com os Estados Unidos em relação ao número de patentes de blockchain registradas em cada país.

O presidente Xi Jinping recentemente convidou seu país a acelerar a adoção da tecnologia blockchain em uma reunião do governo. Ele disse:

“Devemos considerar a blockchain como um avanço importante para a inovação independente das principais tecnologias, esclarecer as principais direções, aumentar o investimento, focar em várias tecnologias principais e acelerar o desenvolvimento da inovação industrial e em blockchain.”