Chainalysis: São poucas as grandes exchanges que ainda reportam volumes falsos em 2019

Grandes exchanges de criptomoedas parecem ter diminuído os erros em volumes de negociação em 2019, diz um novo estudo da Chainalysis. De acordo com a empresa de análise de blockchain baseada em Nova York, ainda existem algumas exchanges cripto, incluindo a Bitforex, que podem ainda estar reportando volumes de negociação falsos para simular uma maior atividade de mercado e liquidez. A Chinalysis postou o estudo em seu blog em 15 de novembro.

No estudo, a Chinalysis analisou as 10 principais exchanges de criptomoedas, conhecidas como as "Bitwise 10", que foram consideradas as únicas grandes exchanges a relatar volumes reais. Entre essas exchanges, estão Binance, Bitfinex, Kraken, Bitstamp, Coinbase, BitFlyer, Gemini, itBit, Bittrex e Poloniex.

Top 10 de volumes reais reportados registram 6 BTC em volume para cada 1 BTC on-chain

A empresa usou o Bitwise 10 como uma amostra representativa de grandes exchanges que relatam volumes de transações reais e comparou seus dados com volumes de outras exchanges para descobrir atividades potencialmente suspeitas. A partir disso, a Chinalysis descobriu que, em um período entre janeiro de 2018 e novembro de 2019, a proporção média entre o volume de transações e o volume on-chain recebido dentro do Bitwise 10 representava 6: 1. Os dados significam que o Bitwise 10 registra cerca de 6 BTCs em volume de negociação para cada BTC on-chain.

A Chinalysis analisou ainda outras 25 exchanges com grandes volumes on-chain da lista do Bitwise 10. A empresa identificou mais 12 exchanges com índices de volume de negócios / volume on-chain significativamente diferentes dos Bitwise 10 em 2018, mas desde então não teriam registrado queda, de acordo com os dados colhidos. A lista de 12 exchanges incluía Huobi, OKCoin, UPbit, Bithumb, Bit2c, Bitbank, Bitso, CoinCheck, Coinfloor, CoinOne, Korbit e Zaif.

12 exchanges, incluindo Huobi e Bithumb, adotaram a declaração de volumes corretos em 2019

Com base nos dados, a Chinalysis concluiu que é provável que essas 12 exchanges estivessem falsificando o volume negociado em 2018, especificamente durante o período entre julho e janeiro de 2019. Desde 2019, os índices de volume comercial das exchanges acompanharam o Bitwise 10 mais de perto, sugerindo que eles interromperam a publicação de volumes irreais.

Proporção de Bitcoin negociado por Bitcoin revisado na cadeia. Fonte: Chainalysis

Algumas exchanges podem ainda estar praticando volumes irreais

Embora a maioria das exchanges esteja distante hoje de volumes falsificados, algumas ainda apresentavam atividades suspeitas. De acordo com Chainalysis, a Bitforex relatou uma relação de volume comercial de 40.000: 1 em um período de janeiro de 2019 a novembro de 2019. Isso significa que a Bitforex teria relatado um volume negociado de 40.000 BTCs para cada 1 BTC na cadeia, em comparação com apenas 6 no Bitwise 10.

A Bitforex está ranqueada como 34a. maior exchange por volume de negociação atualmente, segundo dados do Coin360.

Estudo da Bitwise em 2019 dizia que 95% do volume de exchanges não reguladas era falso

O novo estudo da Chinalysis acompanha um relatório da provedora de fundos de índices de criptomoedas Bitwise Asset Management, alegando que até 95% do volume em exchanges não regulamentadas parecia ser falsa ou de natureza não-econômica.

Em 12 de novembro, a principal fornecedora de dados cripto CoinMarketCap lançou uma nova métrica para comparar exchanges e pares de tokens com base na liquidez, como forma de impedir a manipulação de exchanges.