David Marcus, do Facebook, defende redes de pagamento baseadas em Blockchain

David Marcus, chefe da Calibra no Facebook, apresentou argumentos a favor das redes de pagamento baseadas em blockchain.

Em uma postagem no blog de 25 de setembro, Marcus apontou deficiências dos sistemas de pagamento existentes, como redes regionais e internacionais, incluindo SWIFT e RT1, bancos centrais e outros. Marcus começou observando a fraqueza da infraestrutura subjacente do sistema atual que limita sua eficiência e seu alcance.

Marcus escreveu que um indivíduo pode enviar e receber fundos de uma carteira, embora não seja capaz de fazer o mesmo entre carteiras de empresas diferentes. Ele continuou explicando:

“Dependendo da configuração, a transferência de dinheiro do ponto A para o ponto B exige a participação de vários intermediários e, muitas vezes, exige que os pools de liquidez estejam prontamente disponíveis no ponto B para que os consumidores retirem seu dinheiro em tempo hábil.”

Vantagens das redes de pagamento blockchain

Quando se trata de uma rede de pagamentos baseada em blockchain, como o futuro Libra do Facebook, seus participantes podem realizar transferências quase em tempo real entre países a um custo baixo e sem a necessidade de pools de liquidez de várias moedas, disse Marcus, acrescentando:

“Isso, por sua vez, reduziria drasticamente os custos, eliminando a necessidade de tantos intermediários, a complexidade operacional e as despesas gerais, aumentando assim a inovação e o acesso. As pessoas se beneficiariam de mais facilidade quando desejam enviar e receber dinheiro, e a barreira do acesso ao dinheiro digital moderno e aos serviços financeiros seria bastante reduzida.”

Outras soluções de pagamento baseadas em blockchain

Diversas empresas líderes do mercado financeiro também estão trabalhando em soluções que podem substituir os métodos de pagamento tradicionais por sistemas baseados em blockchain. No início de setembro, a Mastercard fez uma parceria com a empresa de blockchain R3, para desenvolver uma solução de pagamento internacional.

A empresa americana de serviços financeiros Wells Fargo & Company também revelou planos de lançar um projeto piloto de uma plataforma baseada em tecnologia de ledger distribuído, projetada para realizar transferências internas de livros de pagamentos internacionais em sua rede global, usando moeda digital.