O WhatsApp está supostamente planejando lançar pagamentos digitais na Indonésia

O serviço de mensagens do Facebook, o WhatsApp, está supostamente em conversações preliminares com várias empresas de pagamentos digitais, bem como um banco estatal para lançar serviços de pagamento digital na Indonésia.

A Reuters informou que eles souberam desse desenvolvimento de fontes anônimas em 20 de agosto. Segundo o relatório, o WhatsApp está atualmente negociando com o serviço de reservas de transporte Go-Jek, provedor de pagamentos móveis DANA, startup de fintech OVO e estatal Bank Mandiri. O Bank Mindri opera um serviço de carteira digital, de acordo com o relatório.

O plano do WhatsApp para a Indonésia é apoiar pagamentos por meio de carteiras digitais na região, segundo fontes da Reuters. O relatório ainda especula que as transações do Facebook na Indonésia poderiam se tornar um modelo que eles mais tarde usarão para evitar regulamentações locais, relativas à proibição de carteiras digitais estrangeiras.

Um porta-voz do Facebook confirmou que o WhatsApp estava negociando com parceiros financeiros da Indonésia, mas se recusou a fornecer detalhes:

"O WhatsApp está em conversações com parceiros financeiros na Indonésia sobre pagamentos, no entanto, as discussões estão em estágios iniciais e não temos mais nada a compartilhar neste momento."

No entanto, as fontes disseram que o acordo do Facebook com as três empresas de pagamento será finalizado em breve. O lançamento desses serviços, no entanto, não é esperado até 2020, já que o WhatsApp pretende lançar na Índia ao mesmo tempo ou antes, de acordo com as fontes. De acordo com o relatório, o Facebook ainda está aguardando a aprovação regulatória da Índia antes que eles possam lançar pagamentos baseados no WhatsApp.

Libra ino WeChat

Como anteriormente reportado pelo Cointelegraph, o Facebook pretende integrar seu serviço de carteira de criptomoeda, Calibra, no WhatsApp e em todas as suas plataformas. O Calibra hospedaria o Libra do Facebook. No entanto, o Calibra não  estará disponível na Índia ou em qualquer país com a proibição das criptomoedas. Um porta-voz da Calibra comentou isso em abril, dizendo:

“O blockchain do libra será global, mas caberá aos provedores de carteira custodial determinar onde eles irão ou não operar. O Calibra não estará disponível em países que banirem as criptomoedas. ”