FairX, que pretendia ser um banco tradicional integrado ao ecossistema de criptomoedas, fecha devido a falta de financiamento

A FairX, uma empresa de serviços financeiros envolvida com ativos bancários e digitais , encerrou suas operações porque não conseguiu estabelecer um banco nacional licenciado .

De acordo com um tópico da FairX no Twitter em 19 de julho, a empresa ficou aquém da criação de um banco nacional licenciado devido à falta de financiamento. O FairX estava tentando levantar fundos para o banco planejado nos últimos 14 meses, o que descreveu como:

“... um novo banco nacional licenciado e totalmente regulamentado, modelado como um utilitário do mercado financeiro, que trabalharia com indivíduos e bancos para criar um depósito bancário desmaterializado, denominado em USD. O banco seria o Frank Financial.

“Este depósito bancário desmaterializado atuaria, em muitos aspectos, de forma semelhante a uma stablecoin , exceto por não ser uma stablecoin de fato. Uma stablecoin, por sua definição, não é um ativo que pode liquidar transações entre bancos no contexto de, digamos, transações de ACH ou CC,”, explicaram os posts (ACH significa "clearing house" e CC "cartão de crédito").

A empresa salienta que conseguiu introduzir a sua ideia de negócio para os reguladores, cumprindo as regras sobre conhecimento de cliente (KYC); combate a lavagem de dinheiro (AML) e ao financiamento do terrorismo, bem como receber feedback positivo dos reguladores.

Depois de iniciar seu estágio inicial, a FairX percebeu que precisava de outra injeção de capital.

Nesse ponto, a comunidade de investimento em criptomoedas recuou supostamente devido à centralização percebida na gestão do banco.

Ontem, o Cointelegraph informou que a excahnge de criptomoedas indiana Cryptokart cessou suas operações. O fundador da Cryptokart, Gaurang Poddar, descreveu a paralisação da excahnge como "difícil, dado o trabalho duro que realizamos", mas concluiu que, no geral, a experiência foi positiva.

oddar disse que estava orgulhoso da plataforma e parecia disposto a permanecer no campo, afirmando: "Se você conhece alguém interessado em lançar sua própria exchange, por favor me avise."