Coinbase perde seu terceiro executivo sênior em seis meses depois de Dan Romero pedir demissão

A exchange norte-americana Coinbase perdeu seu executivo sênior e diretor internacional, Dan Romero, que anunciou seu afastamento em um  post de blog em 12 de abril.

Romero, que trabalhou por cinco anos na empresa em diversos cargos, segue o rumo do diretor de vendas institucionais, Christine Sandler, e do vice-presidente e gestor geral Adam White, que também deixaram a empresa recentemente.

Sandler saiu em março para entrar na gigante de serviços financeiros pró-cripto Fidelity Investments, enquanto White foi em busca de novos ares em outubro do ano passado.

Romero também trabalhou na posição de White, e sua saída dá sequência ao fechamento das atividades focadas no institucional da Coinbase.

Enquanto continua sua expansão, negócios com a indústria do varejo e das criptomoedas agora são a prioridade da exchange.

“Depois de cinco anos, estou deixando a Coinbase no fim deste mês", Romero confirmou no post, completando:

“Tenho planos de tirar um tempo pra entender o que virá no futuro, mas eu permaneço otimista quanto ao potencial das criptomoedas e da Coinbase.”

“Um número crescente de empresários está silenciosamente construindo a infraestrutura necessária para uma versão da internet e do sistema financeiro global mais abertos, sem restrições e descentralizados”, continuou Romero.

Como noticiado pelo Cointelegraph, a Coinbase entrou para o mercado de pagamentos internacionais no começo deste mês, seguida nesta semana pelo lançamento de um cartão Visa dedicado a criptomoedas para o mercado do Reino Unido.

LinkedIn incluiu a Coinbase em sua lista de 50 empresas mais populares dos EUA em abril, com a empresa como a única do setor cripto a figurar no ranking.