CEO da Coinbase quer a empresa para além da negociação nos próximos 5 anos

Brian Armstrong, CEO da Coinbase, empresa norte-americana de cripomoedas e serviços de carteira, acredita que a empresa estará menos interessada em negociar e mais em adoção daqui a cinco anos.

Armstrong quer que a empresa conecte pessoas na indústria de criptomoedas

Em uma sessão da AMA (pergunte-me qualquer coisa), feita em 19 de julho, Armstrong apresentou sua visão da empresa em cinco anos, afirmando que ele vê a Coinbase não apenas como um fornecedor de serviços de criptomoedas, mas uma entidade mais universal que leva a adoção dos criptoativos.

Armstrong apontou a missão da Coinbase de ajudar a crescer a economia global das criptomoedas conectando pessoas no mercado e expandindo a comunidade de criptoativos para ajudar as pessoas a usar criptomoedas para mais coisas além do que apenas comprar e vender.

A esse respeito desse ponto, Armstrong citou alguns desenvolvimentos recentes da Coinbase, como o Coinbase Earn , programa educacional de incentivo sobre criptomoedas bem como os preparativos para permitir, em breve, o empréstimo de criptoativos e o comércio de margem na Coinbase. Armstrong explicou:

“Em cinco anos, espero que tenhamos ainda mais além disso. Haverá milhares de empresas baseadas em criptomoedas”

Armstrong apoia pessoas que deixaram a Coinbase para executar seus próprios projetos de criptomoedas

Armstrong citou que como parte da missão de ser propulsora da adoção das critpomoedas, a Coinbase, também expressou sua posição positiva a respeito dos ex-funcionários da empresa que decidiram deixar a companhia para lançar projetos bem-sucedido baseados em criptomoedas.

O CEO da Coinbase observou o termo existente da sobre a 'máfia da Coinbase', lembrando aproximadamente de dez pessoas que deixaram a empresa para administrar companhias de criptomoedas de sucesso.

Armstrong pareceu encorajar esses ex-funcionários, alegando que ele realmente quer que as pessoas aprendam com a Coinbase e espalhem seu conhecimento para trazer mais adoção. "Só vamos continuar fazendo mais e mais disso", disse Armstrong, acrescentando ainda que a Coinbase é uma empresa de múltiplos produtos.

Em 12 de julho, Armstrong disse que um recente tweet anti-Bitcoin ( BTC ) do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, desbloqueou outra conquista para a indústria das criptomoedas, indicando que a indústria dos criptoativos é independente das potências mundiais e que esses poderes não podem se fechar.