Celsius Network vai gerenciar fundos para iniciativa das Nações Unidas

A plataforma descentralizada de empréstimos e financiamento Celsius Network administrará o Fundo de Impacto dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (SDG Impact Fund) dentro da iniciativa das Nações Unidas para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, de acordo com um comunicado publicado em 21 de setembro.

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável é um programa internacional focado em trazer um “futuro melhor e mais sustentável para todos”. Aborda desafios globais como pobreza, desigualdade, mudança climática, degradação ambiental, prosperidade, paz e justiça. A iniciativa visa alcançar uma série de metas até 2030.

Pelo anúncio, o SDG Impact Fund será lançado pela Fifth Element, empresa de serviços financeiros, com o objetivo de arrecadar várias centenas de milhões de dólares e implantá-los nos formatos fiduciário m e digital usando um blockchain público. O fundo será supostamente o primeiro a aceitar e operar todas as formas de ativos cripto e digitais em conformidade com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU.

Dentro da parceria com a Fifth Element, a Celsius Network está procurando “trazer o poder de volta ao povo”, fornecendo serviços bancários tipicamente reservados para proprietários de ativos de nível superior. O CEO da Celsius, Alex Mashinsky, disse que "ao oferecer taxas de juros acumuladas de até 7,1%, nós permitimos que os indivíduos tenham a mesma renda passiva que Wall Street vem dando há anos". Scott Stornetta, conselheiro da Celsius, comentou:

“Nós vemos uma grande oportunidade de usar essa tecnologia para entregar o valor coletado por diferentes organizações das Nações Unidas de maneira mais precisa e eficaz para as pessoas e organizações que mais precisam”.

Em fevereiro, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) abraçou a criptomoeda, iniciando uma campanha de caridade para crianças sírias, pedindo aos jogadores de PC que usassem seus computadores para minerar Ethereum (ETH) e doassem seus ganhos. Mais tarde, em abril, o UNICEF Austrália também anunciou uma iniciativa que permite aos usuários dar o poder de processamento de seus computadores para a criptomoeda de caridade.