Empresa de gerenciamento cripto BlockFi ajusta taxas de juros

A empresa de gestão de criptomoedas BlockFi anunciou uma mudança em suas taxas de juros em uma atualização mensal de 21 de maio.

As contas com saldo de Bitcoin (BTC) acima de 25 BTC irão receber aumento de 0,15% nas taxas de juros, e aquelas com saldo de Ether (ETH) entre 25 e 75 ETH vão baixar de 6,2% para 3,25%.

De acordo com a BlockFi, o ambiente de empréstimos para o Bitcoin cresceu enquanto que para o Ether se deteriorou. O Ether em particular está sendo oferecido a uma taxa de empréstimo de 0,01% na exchane Poloniex e na empresa de empréstimos cripto Compound, e compreende apenas 3% do portifólio da gigante de empréstimos Genesis Capital no primeiro trimestre de 2019.

A BlockFi fez ajustes de taxa de juros correspondentes em resposta, diz a atualização. Além dos números acima mencionados, eles observam que a taxa de juros para os saldos de BTC entre 0,5 BTC e 25 BTC permanecerá inalterada, e que as contas com mais de 100 ETH terão um rendimento percentual anual de 0,2% (APY).

A BlockFi lançou suas contas de Bitcoin e Ether em 4 de março, com as taxas de juros a 6% por ano para ambas as criptomoedas. A BlockFi posteriormente baixou as taxas de juros apenas 18 dias depois.

As taxas foram inicialmente definidas ligeiramente acima do que foi dito anteriormente, em 6,2%, mas a BlockFi anunciou que seria reduzida para 2% para contas com mais de 25 BTC ou 500 ETH em abril. Esta alteração não atingiu a grande maioria dos detentores de BTC e ETH, dos quais cerca de 75% detinha menos de 5 BTC ou 150 ETH.

A BlockFi então enfrentou críticas de players da indústrias direcionadas aos termos e condições da empresa, que permitem que a empresa defina a taxa de juros a cada mês a seu exclusivo critério. David Silver, fundador do escritório de advocacia Silver Miller, disse que a publicidade da BlockFi não combina com sua política:

“Uma revisão superficial de sua página inicial e seus termos e condições mostra que sua publicidade não necessariamente acompanha o que eles garantem e é compreensível [...] porque as pessoas ficariam confusas se não recebessem seus 6,2%, porque a partir da publicidade da BlockFi fica aparente que essa é uma taxa garantida de retorno."

Os ativos da BlockFi estariam com o braço de custódia da Gemini Trust Company e são regulados pelo Departamento de Serviços Financeiros de Nova York, e os clientes é oferecido o livre-arbítrio para retirar suas posses mediante solicitação.