Bitcoin Trade anuncia suporte ao SegWit para transações com Bitcoin mais rápidas e baratas

A exchange brasileira Bitcoin Trade, anunciou uma manutenção nas wallets de Bitcoin (BTC) da plataforma para iniciar o processo de implementação do SegWit, conforme comunicado compartilhado com o Cointelegraph em 17 de julho.

Segundo o comunicado, na sexta-feira, 19 de julho, saques e depósitos em Bitcoin serão suspensos no período entre 6 e 8 da manhã para uma atualização.

As demais operações, com outras criptomoedas ou mesmo os trades com BTC, ainda continuam disponíveis durante o período da atualização.

O comunicado destaca que isso é necessário para iniciar o processo de migração para endereços SegWit, que podem “melhorar a velocidade dos saques e depósitos e reduzir os custos de transação”

“Estamos fazendo um update no sistema, uma melhoria para trabalhar melhor a entrada e saída de btc e junto com isso vamos implementar o SegWit para garantir taxas menores para nossos clientes. Vai ficar mais barato para nossos clientes transferir os btc para uma carteira externa; e mais rápido também", disse Daniel Coquieri, co-fundador da exchange.

Ele completou: "se tudo der certo em no máximo 15 dias vamos implementar o SegWit e isso terá uma alteração nos endereços da carteira dos clientes, os endereços antigos vão continuar funcionando, mas, lá na frente, se tudo der certo, iremos pedir aos clientes que migrem para os endereços novos”,

Coqueri destaca que a mudança atende a um pedido dos clientes para que a plataforma implemente a funcionalidade.

A recente alta no mercado de criptomoedas está fazendo as exchanges brasileiras "se mexerem". Além da novidade na Bitcoin Trade, a exchange Mercado Bitcoin, como mostrou o Cointelegraph, anunciou mudanças em sua gestão.

Agora, Marcos Alves, ex-Bain e McKinsey, assume como novo CEO da startup fundada em 2013 pelos irmãos Gustavo e Maurício Chamati, que agora farão parte do Conselho Gestor da companhia.