Bitcoin atinge US$ 9,5 mil e analistas apontam potencial sinal de fuga

O preço do Bitcoin (BTC) desafiava a marca de US$ 9.500 em 29 de outubro, já que a maior criptomoeda preservou seus níveis mais altos após um rompante de alta no fim de semana.

Cryptocurrency market daily overview

Visão geral diária do mercado de criptomoedas. Fonte: Coin360

Analista: Bitcoin sugere mais vantagens no horizonte

Os dados da Coin360 mostraram que o par BTC/USD tentou repetidamente ultrapassar os US$ 9.500 na terça-feira. O nível parecia difícil de se romper, portanto, com cada quebra de US$ 9.600 recebida com rejeição.

No momento desta publicação, o Bitcoin circulava em torno de US$ 9.430, permanecendo a volatilidade após uma queda repentina para US$ 9.200 no início do dia.

Bitcoin seven-day price chart

Gráfico de preços de sete dias do Bitcoin. Fonte: Coin360

Os rumores sobre o compromisso público da China com a tecnologia blockchain continuaram a formar um importante ponto de discussão entre os analistas. Como o Cointelegraph relatou, a política de criptomoeda não apareceu nas últimas observações das autoridades, que, no entanto, pareciam alimentar a alta do Bitcoin.

Nas redes sociais, os comentaristas ainda estavam de olho em um potencial ainda mais positivo.

"O #Bitcoin continua pressionando por uma fuga", resumiu a popular conta Crypto Rand em uma atualização no Twitter na terça-feira.

"Após os últimos meses de eventos, eu me sentiria mais à vontade só com Bitcoin em minha carteira do que não ter nenhum", acrescentou Rhythm, uma outra conta sobre as perspectivas de longo prazo do Bitcoin.

Outros desdobramentos focaram no lado do consumidor. A Bakkt, a plataforma de negociação institucional que registrou máximos de todos os tempos para seus futuros de Bitcoin nos últimos dias, disse que seu aplicativo de consumidor e parceria de pagamento com a Starbucks estariam ativos no primeiro semestre de 2020.

Altcoins passam um dia rastreando de lado

Enquanto isso, os mercados de altcoin registraram um dia de negociação fixa, emulando o desempenho diário do Bitcoin com 1 a 2% de movimentos para cima ou para baixo.

O Ether (ETH), o maior altcoin em valor de mercado, cresceu 1,4%, a US$ 187.

Ether 7-day price chart

Gráfico de preços de sete dias do Ether. Fonte: Coin360

O líder entre as dez primeiras alts foi o Bitcoin Cash (BCH), que avançou 10% em meio a turbulências em seu maior apoiador, a Bitmain. Como observou o Cointelegraph, uma repentina remodelação testemunhou a queda do cofundador Micree Ketuan Zhan.

O valor total do mercado de criptomoedas avançou ligeiramente no dia, atingindo US$ 251 bilhões. A participação do Bitcoin caiu ligeiramente para 67,7%.

acompanhe os principais mercados de cripto em tempo real aqui