Bitcoin desaba 800 dólares em minutos e os ursos já estão de olho no suporte de 9K

O preço do Bitcoin (BTC) desabou 800 dólares em 15 minutos em 27 de julho, após um dramático movimento de baixa destruir o suporte de US$ 10.000.

Gráfico de preços de 24 horas do Bitcoin. Cortesia da Coin360

Traders de Bitcoin comem suas carteiras

Os traders coçavam a cabeça nas redes sociais no sábado, após as perdas súbitas, com o par BTC/USD caindo de US$ 10.180 para US$ 9.410.

No momento desta publicação, o par havia se recuperado marginalmente e girava em torno de US$ 9.500, enquanto a falta de fatores óbvios fazia os comentaristas se esforçarem para entender o mercado.

Como o Cointelegraph relatou, uma volta aos US$ 10.000 anteriormente veio como uma surpresa depois que um pequeno aumento ocorreu em questão de minutos.

Anteriormente, o regular comentarista Josh Rager havia avaliado uma queda abaixo de US$ 9.600 como uma porta de entrada para níveis mais baixos, com um potencial de US$ 9.000 também podendo cair.

Alguns previram que a volatilidade continuaria no curto prazo. No Twitter, o trader conhecido como CryptoCohen soou o alarme horas antes das perdas de 800 dólares.

“Poderia ser uma correção maior em jogo - poderia levar muito mais tempo - mais do que muitos esperariam/gostariam. Mas as coisas boas vêm para aqueles que esperam”, resumiu ele.

O movimento do Bitcoin, entretanto, teve um efeito mais previsível nos mercados de altcoins, com tokens das vinte maiores criptomoedas por capitalização de mercado caindo até 4,5%.

No mês, o preço do Bitcoin perdeu 20%, o Cointelegraph observou que as previsões de preço de fim de ano e de longo prazo permanecem otimistas.

acompanhe o mercado das principais criptos em tempo real aqui