Bitcoin invade a final da “Casa das Pimentinhas”, reality show da Revista Sexy

A maior criptomoeda do mercado vai invadir a final do reality show “A Casa das Pimentinhas 3”, promovido pela revista brasileira de conteúdo masculino adulto SEXY. A modelo Rangel Carlos, uma das finalistas do programa, é entusiasta da tecnologia e investidora de masternodes.

Segundo revelou a reportagem do Cointelegraph Brasil, Rangel conheceu o Bitcoin através de seu marido Elquer Carlos, fundador do 4stake, sistema de mineração compartilhada de masternodes. Desde então, ela investe em BTC e em criptomoedas.

“Quando conheci o Bitcoin vi o potencial da tecnologia e como a criptomoeda pode ajudar, principalmente no fluxo internacional de dinheiro. Muitas modelos, atores e artistas realizam trabalhos internacionais e têm dificuldades para receber valores em dólares. Como o BTC não tem este problema, eu posso ‘converter’ a moeda a qualquer hora em praticamente qualquer país do mundo”, revela.

Sobre o investimento em mineração, Rangel declarou que, para pequenos entusiastas como ela, a mineração de Bitcoin com ASIC é inviável, não apenas por conta da energia, mas por todos os custos associados ao processo.

“Agora com masternodes que são baseados em PoS não há este custo e o ROI pode até ser maior, contudo, também há um grande risco pois são projetos menores e nem sempre com liquidez imediata como é o caso do Bitcoin”, declarou.

A modelo também já teria sido garota propaganda da hardware wallet Trezor no Brasil. A final do reality show será neste domingo, 27 de outubro e a vencedora será capa da Revista Sexy no mês de dezembro.