Bitcoin atinge alta histórica em Pesos Argentinos à espera por eleições

A maior criptomoeda, o Bitcoin (BTC), atingiu sua alta histórica com relação ao Peso Argentino em meio ao contínuo declínio da moeda, como o Financial Times (FT) noticiou em 27 de maio.

De acordo com a matéria, o preço do Bitcoin chegou a 394.000 Pesos (US$ 8.762,95 no momento) por moeda, chegando a um valor do Peso Argentino que não era registrado desda a bolha do fim de 2017.

Bitcoin price against Argentine peso since 2017. Source: BitcoinAverage

Preço do Bitcoin contra o Peso Argentino desde 2017. Fonte: BitcoinAverage

A nova alta do Bitcoin contra o Peso chega em meio ao mercado de búfalo deste ano, juntamente com a desvalorização do Peso Argentino contra o Dólar Americano.

De acordo com gráficos da CNBC, O Dólar teve crescimento consistente com relação ao peso neste ano. A nova baixa da moeda argentina teria sido causado pelas incertezas da próxima eleição presidencial.

U.S. dollar price against Argentine peso. Source: CNBC

Preço do Dólar Americano contra o Peso Argentino. Fonte: CNBC

Apesar da recente tentativa de apoio à economia argentina pelo Fundo Monetário Internacional (FMI), com o banco central do país tendo permitido que o uso de fundos do FMI para intervir no peso, alguns analistas estariam preocupados com o fato do programa cair nas mãos da oposição, caso ela vença a eleição de outubro, como noticiou o FT.

Embora os investidores apóiem o atual presidente, Mauricio Macri, a oposição - na qual a ex-presidente de esquerda Cristina Fernández de Kirchner está concorrendo como vice-presidente do candidato Alberto Fernández - teria introduzido um "desconto democrático" para o Peso.

Uma das maiores gestoras globais de ativos, Amundi, disse que os preços dos ativos reagiram "muito negativamente" no mês passado à crescente chance de Kirchner voltar ao poder.

Como notou o FT, o Peso teve grande baixa com relação ao Dólar em abril, depois de uma perda de quase metade do valor no último ano, quanto tanto o Peso quando a Lira Turca caíram entre expectativas dos investidores de aumento das taxas dos EUA.

No começo de março, o bilionário de capital de risco Tim Draper aconselhou o presidente da Argentina a legalizar o Bitcoin para melhorar a situação econômica do país.