Titular de conta Bitcoin perde $100K em rede WiFi pública

Um homem não identificado de 36 anos que possui uma conta Bitcoin perdeu mais de 100 mil euros (US $ 117,000) em Bitcoins enquanto ele estava logado em uma rede sem fio pública em um restaurante em Viena, Áustria.

A polícia austríaca, no entanto, afirmou que ainda estão investigando se a conta da vítima já havia sido hackeada antes de abrir sua conta na rede não segura, reporla a CBS.

Este último caso reflete a crescente preocupação com a segurança das moedas digitais como Bitcoin e Ethereum em meio a sua crescente popularidade como modo de pagamento.

Talvez a perda mais infame de Bitcoins devido a problemas de segurança tenha ocorrido em 2014, quando a casa de câmbio Bitcoin Mt.. Gox colapsou após uma violação na plataforma e uma quantidade significativa de criptomoedas foi roubada. O antigo CEO da casa de câmbio, Mark Karpelès, está atualmente sendo julgado no Japão por acusações de manipulação de dados e desfalque.

Outros casos de violações de segurança

Em meados de 2017, a maior casa de câmbio Bitcoin e Ethereum da Coreia do Sul, Bithumb, também foi atacada por hackers quee roubaram criptomoedas no valor estimado em 1,2 bilhão de won ou mais de US $ 1 milhão de dólares. Um homem da Pensilvânia também admitiu que ele roubou US $ 40 milhões em Bitcoins recentemente.

Criptocrimes

Apesar desses incidentes, as moedas digitais continuam a crescer em popularidade entre os investidores. Por isso, o preço do Ethereum, por exemplo, já aumentou em 2.600 por cento, apenas em questão de meses, de apenas US $ 8,17 no início de 2017. A criptomoeda líder Bitcoin, enquanto isso, subiu para mais de US $ 8.000 até agora de US $ 1,027 no início do ano.

Durante a negociação em Nova Iorque em 21 de novembro de 2017, o preço do Bitcoin atingiu um novo recorde de US $ 8.339, apesar das perdas anteriores no dia devido ao roubo reportado de US $ 31 milhões da Tether.