Australian Securities Exchange anuncia substituição de infraestrutura à medida que o Blockchain Switch começa

A Australian Securities Exchange (ASX) lançou o primeiro código para sua ferramenta de desenvolvimento de aplicativos baseada em blockchain, confirmou a empresa em um comunicado de imprensa em 7 de maio.

A nova plataforma, batizada como Customer Development Environment (CDE), baseia-se na oferta anterior da exchange, a Chess, que agora será aposentada.

Os recursos iniciais, que dependem da tecnologia de ledger distribuído (DLT), começaram a ser lançados no final de abril, com um apoio da ASX mais voltada aos usuários em intervalos de aproximadamente dois meses antes que a plataforma esteja totalmente operacional no próximo ano.

O esquema é uma parceria conjunta com a Digital Asset Holdings, empresa de DLT sediada nos Estados Unidos e anteriormente presidida por Blythe Masters.

“Sabemos que nosso progresso está sendo observado internacionalmente e é um importante indicador para a adoção da tecnologia”, comentou Peter Hiom, vice-CEO da ASX, no comunicado à imprensa. Ele prossegue:

"Essa representa a primeira vez que participantes do mercado em qualquer parte do mundo podem experimentar os benefícios de 'pegar um nó' e estabelecer conectividade direta a um registro de fonte de dados em tempo real via tecnologia de ledger distribuído."

A Chess, desenvolvida na década de 1990, forma uma infraestrutura crítica para a ASX, que a utiliza para lidar com operações como compensação, liquidação e registro de ativos.

Além da DLT, a nova CDE também fará uso de contratos inteligentes via DAML, uma linguagem de código aberto desenvolvida pela Digital Asset.

“Com a entrega da CDE, os clientes da ASX têm a primeira visão do que o novo sistema da CHESS pode oferecer”, acrescentou o novo executivo-chefe da Digital Asset, Yuval Rooz.

Como relatado pelo Cointelegraph, o plano original era lançar a CDE no ano passado, com a ASX optando por um adiamento para realizar mais testes.