Empresa de blockchain pode criar blocos em metade do tempo na rede principal da ETH

A empresa de consultoria e desenvolvimento de produtos Blockchain Akomba Labs, realizou um teste na rede Ethereum, que mostra que pode fazer a propagação de blocos pelo menos duas vezes mais rápido.

O Coindesk relatou em 27 de novembro que a Akomba Labs - em colaboração com a BloXroute, startup de blockchain focada na escalabilidade - realizou um teste de duas semanas, medindo os resultados da execução da Blockchain Distribution Network (BDN) da BloXroute, na rede Ethereum.

Os resultados dos testes mostraram que o desempenho médio de adição de blocos melhorou significativamente, passando de 360 milissegundos sem a BDN, para 172 milissegundos.

Os resultados do teste indicam ainda que a BDN poderia se apresentar como uma solução para o fracasso da escalabilidade da Ethereum. O CEO do BloXroute, Uri Klarman, comentou:

“O Ethereum sente a queima do gargalo de escalabilidade mais do que qualquer outra blockchain existente [...] está perdendo força, está perdendo participação de mercado. Eles sentem o problema, a maioria dos outros não."

Klarman acrescentou que a BDN já está sendo executada em alguns dos pools de mineração e que será gradualmente introduzida em conjuntos maiores. Klarman disse no Twitter que "não se trata apenas de tornar a rede mais rápida, mas de aumentá-la, sem torná-la mais lenta".

Criador do BitTorrent chama Vitalik Buterin, co-fundador da Ethereum

Bran Cohen, mais conhecido como criador do BitTorrent, explicou recentemente por que considera muitas das opiniões de Vitalik, abordando os chamados "problemas difíceis na criptomoeda", como "mal-intencionadas".

Cohen primeiro avaliou algumas das opiniões de Vitalik sobre sharding e escalabilidade, pouco antes de deixar bem claro que ele não é fã do algoritmo de prova de trabalho (PoW) resistente a ASIC, chamando-o de “sonho e péssima ideia .”