Site denuncia novo golpe de extorsão sexual envolvendo recompensas em Bitcoin

O portal de segurança online MyOnlineSecurity denunciou no último dia 7 de abril um esquema de chantagem e extorsão sexual de pessoas que pedia às vítimas uma espécie de “resgate” em Bitcoin.

Segundo o site brasileiro TechTudo, o golpe de “sextortion” usa arquivos protegidos por senha para enganar suas vítimas. As vítimas recebem um e-mail com um documento compactado em anexo e mensagem do hacker dizendo que ele teria invadido o computador e tirado fotos e vídeos enquanto a vítima acessava sites pornográficos.

O hacker então extorquia a vítima pedindo um resgate em Bitcoin para que a senha do documento fosse revelada e o material não fosse enviado à todos os contatos da vítima.

O site MyOnlineSecurity deu alguns exemplos de golpes deste tipo que foram identificados. Em um deles, os hackers pediam a recompensa equivalente a US$ 300 e encaminhavam a vítima para um site de pagamentos chamado Cryptonator, que enviaria o Bitcoin para uma carteira digital.

Em outro exemplo, um suposto “Kevin.leonard” dizia que teve acesso às câmeras, e-mails e microfones da vítima e pedia o equivalente US$ 900 como resgate a serem pagos em no máximo um dia. Ele também terminava com um endereço de uma carteira BTC, diferente da primeira.

Segundo o TechTudo, o esquema pode assustar as vítimas pelo conteúdo impactado, que permitiria ainda a visualização de um conteúdo falso, formado por registros de navegação web e vídeos, que só seriam acessíveis efetivamente através de senha.

O site brasileiro também especula que a ação pode ser mais um caso de ataque de phishing, embora ressalte que a possibilidade de um ataque de um invasor para gravar a partir das câmeras do computador seja “bem pequena”.