EUA: Arizona aprova uma lei para autorizar pagamento de impostos com Bitcoin

O governo do Arizona aprovou um projeto de lei em 8 de fevereiro para permitir que os residentes no estado paguem seus impostos com criptomoedas, registros públicos indicam.

O projeto de lei do Senado 1091, que pretende habilitar a criptomoeda para pagamento de impostos, foi apresentado em 10 de janeiro de 2018 e aprovado pelo Comitê de Finanças do Senado por um voto de 4 a 3 em 24 de janeiro. Em 8 de fevereiro, o governo aprovou uma lei por 16-13, com um voto contrário.

O projeto de lei já foi enviado para a Câmara dos Deputados do Arizona.

Se o projeto de lei for adotado, o Arizona se tornará o primeiro estado nos EUA a aceitar os pagamentos de impostos de criptomoedas até o ano de 2020, conforme indicado no registro público. A lei permitiria que os contribuintes do estado usassem "como uma alternativa de pagamento, o Bitcoin, Litecoin ou qualquer outra criptomoeda reconhecida pelo departamento, usando sistemas eletrônicos."

De acordo com o projeto de lei, o Departamento de Receita do Arizona, ao receber pagamentos em cripto por "imposto e quaisquer juros e penalidades", seria obrigado a converter os pagamentos de criptomoedas em dólares norte-americanos dentro de 24 horas.

O representante republicano do estado do Arizona Jeff Weninger, que co-patrocinou o projeto de lei, disse que a medida fiscal pretende transformar o estado em um centro de  "blockchain e tecnologia de moeda digital no futuro". Referindo-se ao projeto de lei, Weninger disse a Fox News nesta semana:

"É uma das poucas leis que estamos executando, que está enviando um sinal a todos nos Estados Unidos e, possivelmente, em todo o mundo, que o Arizona será a referência de lugar para a tecnologia blockchain e a moeda digital no futuro ".

Em setembro de 2017, o Cointelegraph informou que o município de Chiasso, na Suíça, permitirá que seus residentes paguem impostos em Bitcoin a partir de janeiro de 2018, seguindo o comando de Zug.


Siga-nos no Facebook