Produtora de games como Assassin’s Creed e Rainbow Six, Ubisoft vai implementar tecnologia blockchain em novos jogos

Segundo informações divulgadas pelo jornal francês "Les Échos" nesta terça-feira, 11 de junho, a Ubisoft, grande empresa de desenvolvimento de jogos de videogame, está procurando implementar a tecnologia blockchain em um futuro lançamento.

Embora as especificidades sobre o uso da tecnologia pela companhia ainda não tenham sido divulgadas, a expectativa é de que a Ubisoft tente vincular itens do jogo a tokens não fungíveis (NFTs) que existem fora do próprio jogo.

Isso significa que os itens poderiam ser transportados de jogo para jogo e, potencialmente, poderiam ser também negociados em exchanges ou lojas externas.

Os "Non Fungible Tokens" (NFTs) são um padrão de tokens que permite a criação de itens digitais únicos não-copiáveis. Atravês dos NFTs você pode criar itens únicos de jogos como espadas, armas e armaduras.

O mercado de videogames chegou a quase US$ 140 bilhões movimentados em 2018 - grande parte através de NFTs.

A novidade causa uma disrupção no mercado de games. Até hoje, itens comprados dentro de determinado jogo somente podem serem negociados dentro do próprio jogo.

A novidade possibilita a criação de mercados de itens digitais fora das plataformas originais - um forte rompimento com as limitações da maioria das compras realizadas em jogos atualmente.

Segundo a reportagem, o trabalho está “em estágio avançado”, mas nenhum outro detalhe foi mencionado sobre em qual jogo a tecnologia será apresentada ou quando estará disponível.

Com base no cronograma de lançamento de jogos da Ubisoft, "Watch Dogs Legion" parece se destacar como a escolha óbvia para a tecnologia.

Tendo como cenário uma Londres do futuro próximo, em um país onde criptomoedas tomaram o espaço da libra britânica, "Watch Dogs Legion" poderia se beneficiar muito de itens colecionáveis baseados em blockchain e se encaixaria perfeitamente na narrativa do jogo.

No entanto, com várias séries AAA sendo desenvolvidas pela empresa, incluindo "Assassin's Creed", "Far Cry" e até "Rainbow Six", fica difícil afirmar onde a tecnologia será utilizada.

A reportagem francesa afirma que a Ubisoft provavelmente irá alavancar sua tecnologia blockchain em um novo IP, para não atrapalhar suas propriedades já estabelecidas.

A Ubisoft ainda não mencionou oficialmente qual implementação de blockchain será usada, mas um insider da empresa insinuou que a empresa estaria usando a rede Ethereum (ETH) - o mesmo blockchain usado por vários jogos colecionáveis, como CryptoKitties e qualquer outro título da Ecomi.

Esta será a primeira vez que tal sistema será implementado por um estúdio de jogos AAA.