Importante site de mídia cripto CCN é desativado e culpa atualização do Google por perda de visibilidade

O website de mídia de criptomoedas CCN irá ser desativado no dia de hoje, 10 de junho, de acordo com um anúncio publicado no próprio site.

O post, escrito por Jonas Borchgrevink, diretor e fundador da CCN Markets and Hawkfish AS, diz que a razão para o fechamento é uma enorme queda de tráfego de buscas do Google depois de uma Atualização de Núcleo do Google em 3 de junho. Borchgrevink escreve que o tráfego do site de notícias cripto caiu 71% em dispositivos móveis da noite para o dia.

O fundador diz que apesar dos níveis de tráfego terem sofrido baixas no passado, a adição de novos membros à equipe significa que eles não podem continuar a operar nessas condições apenas com a receita dos anunciantes. A publicação cita dados do Sistrix.com, observando que o site de notícias de criptografia CoinDesk viu uma queda de 34,6%, enquanto o Cointelegraph supostamente viu uma queda de 21,1% no acesso via celular também.

Borchgrevink diz que eles migrarão a equipe do CCN para a HVY.com, uma plataforma de notícias para jornalistas.

No post, Borchgrevink também diz que não apenas sites cripto foram afetados pela atualização do Google, dizendo que o tablóide inglês The Daily Mail também registrou grande queda de visibilidade.

Algumas fontes online especularam que as manchetes do tipo “clickbait” poderiam ter levado à queda de visibilidade do The Daily Mail, que supostamente perdeu metade do tráfego orgânico do site.

Porém, o anúncio ressalta que a razão por trás a perda de visibilidade de alguns sites ainda não pode ser determinada:

“A não ser que alguém - qualquer um - que tenha trabalhado no Core Update do Google em junho de 2019 possa explicar o que está acontecendo, a única coisa que podemos fazer é 'adivinhar, especular e experimentar', enquanto nossas contas bancárias permitirem.”

O CCN foi fundado seis anos atrás, originalmente com sob o nome CryptoCoinNews, antes de reformular sua marca para o atual nome.

Borchgrevink diz:

“Se Google acha que o CCN, de repente - lembrem-se, literalmente da noite para o dia - é ruim, então por que não nos dar a chance de entender por que e nos dar uma maneira de mudar antes de qualquer atualização importante? Em vez disso, somos chutados de um dia para o outro sem o conhecimento do que fizemos de errado, impactando uma equipe de mais de 60 pessoas. 6 anos de trabalho evaporaram."

O post do CCN termina com uma lista de demandas para o Google, incluindo um aviso de três mêses com as mudanças esperadas para Atualizações de Núcleo do Google (Google Core Updates), explicar o que uma empresa pode fazer para mudar se cair em uma zona de risco para perder tráfego, e ter governos nacionais criando forças-tarefa neutras para inspecionar atualizações de mecanismos de busca para "a conservação de nossas democracias, nossa liberdade de expressão, nossa liberdade de imprensa e nossa liberdade de informação ".