TokoBitcoin e BitBayar encerram as operações após a proibição de Bitcoin do Banco da Indonésia

As plataformas de pagamento de Bitcoin com sede na Indonésia TokoBitcoin e BitBayar teriam alegadamente encerrado suas operações após o anúncio pelo banco central do país, o Banco da Indonésia, de que não aceitará o Bitcoin como forma de pagamento. A operação das casas de câmbio de Bitcoin no país, no entanto, não foi afetada pelo pronunciamento.

A BitBayar, que é a homóloga indonésia da Bitpay, anunciou que está parando seus serviços a partir de 1º de novembro de 2017. A TokoBitcoin, entretanto, já se absteve de aceitar o Bitcoin como forma de pagamento.

De acordo com a casa de câmbio de Bitcoin, o presidente executivo (CEO) da PT Bitcoin Indonésia, Oscar Darmawan, o fechamento não se deveu a uma intervenção direta do Banco da Indonésia, mas sim uma decisão independente e voluntária das empresas.

"Não houve pedidos diretos do Banco da Indonésia à Bitcoin Indonésia para fechar esses dois sites".

Posição do Banco da Indonésia sobre criptomoeda

Em setembro, o Departamento de Política do Sistema de Pagamentos do Banco da Indonésia, Eny V. Panggabean reiterou a posição do banco central de que não reconhecerá o Bitcoin como uma moeda legal no país. Ele acrescentou que o uso da moeda digital líder como moeda é ilegal sob a Lei de Provedores de Serviços de Pagamento da Indonésia.

Em fevereiro de 2014, o Banco da Indonésia emitiu um comunicado alegando que o Bitcoin e outras criptomoedas não são legais como moeda ou instrumentos de pagamento no país.

Estado do câmbio de moeda virtual na Indonésia

Com base em dados da Cryptocompare, a negociação de Bitcoin e rúpia da Indonésia é o 10º maior mercado nacional de Bitcoin do mundo, conforme o volume de 24 horas, no final de outubro de 2017.

Além disso, o volume de negociação indonésio atualmente representa 0,18% do total do volume de negócios em todo o mundo.