As implicações da fusão do 5G e da blockchain

Os analistas antecipam as implicações da Internet das Coisas (IoT) há vários anos. No entanto, houve dois principais impedimentos para o seu sucesso: capacidade e segurança.

Mas agora, a introdução de uma nova tecnologia pode mudar isso. Neste ano, grandes operadoras como a AT&T e a Verizon vão lançar a rede 5G, a última geração de comunicações móveis celulares. A plataforma 5G traz uma alta taxa de dados, latência reduzida, economia de energia, redução de custos, maior capacidade do sistema e conectividade massiva a dispositivos, segundo analistas.

A combinação das tecnologias 5G e blockchain tem o potencial de desencadear uma onda de valor econômico. Para entender essa conexão entre 5G e blockchain, é preciso pensar no relacionamento como multifacetado. O poder da cobertura 5G através de sua latência reduzida, altas velocidades e capacidade permite que os dispositivos de IoT sejam amplamente usados. Simultaneamente, esses dispositivos podem alavancar a segurança, a descentralização, a imutabilidade e a arbitragem de consenso de blockchains como camadas fundamentais.

Isso significa cidades inteligentes, veículos sem codutor, casas inteligentes e outros aprimoramentos baseados em sensores terão, finalmente, uma tecnologia que pode atender a suas necessidades.

Internet of Things Application

Como camadas fundamentais, as blockchains podem fornecer consenso e segurança, enquanto a mai