Fundação aBey apresenta nova tecnologia de cartão de crédito próprio para criptomoeda

Falando no BlockShow Asia 2019, o cofundador da Fundação aBey, Dr. Ciprian Pungila, anunciou o aPay, um sistema de pagamento que permite que a comunidade de criptomoedas use seus ativos para pagamentos diários através de integrações de cartão de crédito.

Os usuários do aPay podem enviar suas criptomoedas para a plataforma e obter acesso a três cartões de crédito diferentes que operam com UnionPay, Mastercard e Visa. Portanto, eles podem usar suas criptomoedas para pagamentos diários.

Com base na nova tecnologia blockchain desenvolvida pela Fundação aBey, a aPay promete ser uma blockchain rápida que introduz nova arquitetura e computação de alto desempenho que permitiriam transações mais rápidas.

"A aBey foi projetada e construída para estar entre as blockchains de código aberto mais rápidas e flexíveis do mundo, fornecendo uma solução prática para casos de uso comuns de comércio eletrônico", disse Punglia.

O cofundador revelou que a aPay dá suporte a Bitcoin, Bitcoin Cash, Ethereum, Ethereum Classic, Litecoin, Dash, EOS, Ripple, ZCash e uma criptomoeda nativa criada pela aBey. Ele esclareceu que a aPay não exige que o comerciante aceite criptomoedas. Eles só precisam aceitar pagamentos de cartão de crédito convencionais e a solução da aPay converte automaticamente o pagamento de criptomoeda para fiduciário.

Dr. Pungila acrescentou que ainda não está claro como a tecnologia blockchain impactará o setor financeiro, mas é certo que os aplicativos de ledger distribuído mudarão o cenário tecnológico e financeiro:

“O setor de tecnologia financeira foi impactado pelo desenvolvimento da tecnologia blockchain, mas ainda não está muito claro como isso mudará nossas vidas. É certo que não há como voltar atrás e, portanto, devemos criar aplicativos e soluções para aceitar e desenvolver essa mudança.”

O Dr. Pungila também afirmou que o blockchain da aBey suporta transações de alta velocidade para atender às necessidades de comércio eletrônico, permitindo transações reembolsáveis, empréstimos à habitação, pagamentos de comissões e muito mais.