Bolsa de Valores de Tel Aviv desenvolve plataforma de empréstimo Blockchain "primeira do seu tipo"

A Bolsa de Valores de Tel Aviv (TASE) desenvolveu uma plataforma de empréstimo de títulos baseada em blockchain, a primeira de seu tipo, de acordo com um comunicado de imprensa de 16 de maio. A nova plataforma foi concluída em parceria com a empresa israelense fintech The Floor, a empresa global de serviços profissionais Accenture e a Intel.

A bolsa criará uma plataforma central chamada Blockchain Securities Lending (BSL - Empréstimo de Títulos Blockchain, em tradução livre), que visa revolucionar o mercado de empréstimos de títulos em Israel “ao permitir empréstimos diretos entre todos os principais instrumentos financeiros”. A plataforma será projetada como um “one-sho-stop” para todas as operações com empréstimo de títulos e fornecer acesso a maiores volumes de títulos em prazos mais curtos.

Ao empregar blockchain, a TASE pretende lucrar com suas vantagens, como transações diretas peer-to-peer, contratos inteligentes e segurança aprimorada.

A plataforma será construída sobre o Hyperledger Sawtooth, que utiliza a tecnologia Intel® Software Extensions (Intel® SGX) para criptografar dados de transação. A Accenture estará trabalhando no desenvolvimento de contratos inteligentes na plataforma, que é um dos principais atributos de negócios do Hyperledger Sawtooth.

Rick Echevarria, vice-presidente do Grupo de Software e Serviços da Intel, observou a importância do blockchain para o mercado de serviços financeiros, dizendo que a Intel “acredita que o blockchain pode transformar processos de negócios”, enquanto a Accenture está trabalhando em uma solução que “acelera a adoção do blockchain”.

O projeto será implantado em um ambiente de produção após uma implementação bem-sucedida da Prova de Conceito (PoC) inicial.

Os principais índices negociados na TASE são o T-35, o T-125 e o TA BlueTech Index. A bolsa tem uma capitalização de mercado de US $ 212 bilhões.

Instituições financeiras tradicionais começaram a ver as vantagens que o blockchain pode adicionar aos seus processos de negócios. No mês passado, o Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (BBVA) se tornou o primeiro banco global a emitir um empréstimo usando a tecnologia blockchain. O banco conduziu todo o processo de empréstimo, desde a negociação dos termos até a assinatura, em um livro-razão distribuído mútuo, alegando que reduziu o tempo de negociação para o empréstimo de € 75 milhões de “dias para horas”.

Recentemente o Sberbank CIB, o banco corporativo e de investimentos do maior banco da Rússia, o Sberbank, conduziu a primeira transação de títulos comerciais baseados em blockchain na Rússia. O Sberbank CIB organizou a emissão de títulos corporativos usando contratos inteligentes, enquanto a transação foi realizada na plataforma blockchain baseada no Hyperledger Fabric 1.1.