Empresa suíça de relógios de luxo Franck Muller lança o primeiro relógio de Bitcoin do mundo

A empresa suíça de relógios de luxo Franck Muller lançou o relógio Bitcoin funcional do mundo, com edição limitada, batizado de "Encrypto". 

O display do relógio - lançado em parceria com a plataforma de negociação de criptomoedas Regal Assets - tem o logotipo do Bitcoin e um código QR do endereço do bloco gênese do Bitcoin.

O relógio também inclui um QR code gravado a laser para um endereço de carteira pública que pode ser usado para depositar Bitcoins e verificar seu saldo. O kit incluiu um pendrive USB selado que armazena a chave privada, conforme a Regal Assets anunciou na última quarta-feira.

A carteira com armazenamento “deep cold” do relógio utiliza “TRNGs (True Random Numbers Generated) não-determinísticos gerados offline que não podem ser hackeados”, de acordo com o anúncio.

O Encrypto está atualmente disponível on-line e na loja Franck Muller do Dubai Mall, com opções de pagamento aceitas como cartão de crédito e transferência bancária, além de Bitcoin.

Serão vendidas no máximo 500 versões masculinas e femininas, a um custo entre US$ 10.000 e US$ 60.000 cada, de acordo com informações do site do fabricante. Alguns modelos também incluem metais preciosos e diamantes no mostrador e no quadro.

A Franck Muller também está explorando modelos com Ethereum (ETH) e outras “cinco principais criptomoedas”, incluindo o XRP.

No início deste ano, a relojoaria suíça de luxo A. Favre & Fils também anunciou que está desenvolvendo um relógio mecânico artesanal com uma carteira de criptomoedas embutida. O relógio custará na faixa de US$ 102.000 a US$ 153.000, dependendo do modelo e de suas características e materiais.

O mundo das criptomoedas parece estar atraindo grandes empresas do ramo de artigos de luxo. Conforme reportado anteriormente, as empresas Louis Vuitton e Christian Dior realizaram uma parceria com a Microsoft para utilizar a tecnologia Blockchain no rastreamento de artigos de luxo.