Cidade espanhola de Valência vai criar 'Smart Port' usando blockchain e big data

Um dos portos mais movimentados da Espanha, com sede na cidade de Valência, anunciou a criação de um "porto inteligente", que utilizará as tecnologias blockchain e big data. A notícia foi revelada em um comunicado publicado na quarta-feira, 3 de outubro, no site oficial do porto.

José Garcia De La Guia, que é responsável pela implementação de novas tecnologias na Autoridade Portuária de Valência, explica que eles vêem blockchain como uma boa opção para melhorar a logística, não só em Valência, mas em muitos portos internacionais:

"Começando em Valência, oferecemos o uso do blockchain como uma opção estratégica para fornecer transparência da cadeia logística, de ponta a ponta, indo além do próprio porto. Isso significa que estamos planejando aplicar tecnologias de nuvem não apenas aos nossos parceiros do Porto Sistemas comunitários, mas também com todos os outros".

De La Guia também diz que blockchain ajudaria a criar "portos sem papéis", para otimizar os recursos em todo o mundo, para reduzir o tempo gasto em manutenção, bem como para reduzir custos.

A mensagem foi entregue durante a conferência Smart Ports & Supply Chain Technologies realizada esta semana na cidade holandesa de Roterdã, na qual participaram representantes do porto de Valência, além de representantes de Antuérpia (Bélgica) e Algeciras (Espanha). A empresa dinamarquesa Blockchain Labs for Open Collaboration também se juntou ao evento.

Blockchain é amplamente utilizado por portos internacionais para melhorar a logística. Por exemplo, a operadora portuária líder do Reino Unido, Associated British Ports (ABP), em breve participará de remessas piloto usando soluções descentralizadas, enquanto a Dinamarca revelou seus planos para implementar blockchain para registros locais de navios. Enquanto isso, uma subsidiária da Abu Dhabi Ports também lançou uma rede logística nacional de blockchain.

Como o Cointelegraph relatou anteriormente, a Espanha continua sendo um dos países que é consistentemente otimista em relação ao blockchain em muitos níveis. Por exemplo, a comunidade espanhola de Aragão anunciou recentemente que implementaria blockchain na administração pública. A Catalunha também está interessada em usar soluções descentralizadas para resolver problemas sociais.