Estado de Kerala, no sul da Índia, usará tecnologia Blockchain no suprimento de distribuição de alimentos.

O governo do estado de Kerala, no sul da Índia, usará blockchain para o suprimento e distribuição de alimentos, segundo o Business Standard publicou em 17 de junho.

O novo projeto é liderado Conselho Estratégico de Desenvolvimento e Inovação (K-DISC) de Kerala e usará o blockchain, assim como a Internet das Coisas (IoT), em uma tentativa de tornar o projeto em uma rede de abastecimento do estado para produtos lácteos, legumes e peixes mais eficientes.

O presidente da K-DISC, KM Abraham, disse à Business Standard que cada componente da rede de suprimentos teria um número de identificação separado, através do qual sua fonte, produção, qualidade e distribuição poderiam ser monitoradas em um blockchain.

O estado também usará blockchain para seu esquema de seguro de safra, assegurando o processamento à prova de violação e eficiente e a liquidação de reclamações para os agricultores que sofrem perdas de safra. Dados imutáveis sobre o blockchain podem ajudar a julgar se a perda de colheitas foi devida a causas naturais ou a outros fatores, e a tecnologia pode servir ainda mais para desintermediatar as disputas entre seguradoras e beneficiários, eliminando a necessidade de representantes de terceiros.

Em abril, o gigante de varejo dos EUA Walmart anunciou que estava pronto para usar blockchain em seu negócio de alimentos vivos. Juntamente com a IBM, a empresa desenvolveu um sistema que, segundo ela, reduzirá o desperdício de alimentos, além de melhorar o gerenciamento e a transparência de contaminação.

Na semana passada, a Microsoft revelou uma nova parceria para desenvolver sua própria plataforma de rastreamento de produtos baseada em blockchain para garantir a rastreabilidade e a visibilidade em toda a cadeia de suprimentos.

Também na semana passada, a Autoridade Portuária de Roterdã revelou que estava desenvolvendo seu próprio sistema de blockchain, que, similarmente ao K-DISC, usa um sistema de marcação para obter informações imediatas sobre as condições da carga de entrada