Cingapura lança piloto da iniciativa TradeTrust Blockchain Shipping

O governo de Cingapura vai avançar com um piloto de sua plataforma TradeTrust para comércio marítimo usando blockchain, informou Asia Middle East Maritime Focus em 7 de março.

O TradeTrust, que visa alavancar o blockchain para agilizar os processos manuais complexos envolvidos no transporte internacional, focará primeiramente nos conhecimentos de embarque eletrônico (EB-Ls) alimentados por blockchain.

O processamento do documento de comércio essencial pode incorrer em períodos de tempo longos e custos adicionais consideráveis ​​usando métodos baseados em papel.

O piloto segue um Memorando de Entendimento assinado em janeiro pela Autoridade de Desenvolvimento de Mídia da Infocomm de Cingapura (IMDA), pela Autoridade Portuária Marítima, pela Alfândega de Cingapura e pela Singapore Shipping Association.

Como parte do piloto do TradeTrust, o IMDA também reunirá comentários sobre a iniciativa, bem como solicitará conselhos do setor sobre como melhor implementá-la no futuro.

"A TradeTrust é uma iniciativa para desenvolver um conjunto de padrões para ajudar as empresas a trocar com segurança documentos de comércio digital", disse o ministro de Comunicações e Informação de Cingapura, S. Iswaran, em 4 de março.

Transferir a emissão EB-L para blockchain tornou-se uma preocupação de vários esquemas em todo o mundo. Como relatado pela Cointelegraph, Cingapura também estava envolvida em um projeto pela IBM e a companhia de navegação Pacific International Lines no mês passado.

 

Em outro lugar, HSBC na Índia também experimentou a ideia, juntamente com a maior empresa de transporte de carga de IsraelZim.