Segundo algumas fontes, Samsung lança edição cripto do Galaxy Note 10

A gigante de tecnologia K sul-coreana Kakao Corp. emitirá sua criptomoeda afiliada, o KLAY, diretamente para os usuários de smartphones da Samsung.

De acordo com o Wall Street Journal (WSJ), que cita em 5 de setembro pessoas familiarizadas com os planos, a última edição do novo Galaxy Note 10 da Samsung contará com uma carteira de criptomoeda - e até moedas grátis.

O “KlaytnPhone" virá com cripto grátis

O KLAY é o token interno da Klaytn, a rede de blockchain que a Kakao revelou em conjunto com seu spin-off dedicado, o Ground X, em outubro do ano passado.

Em declarações ao WSJ, as fontes disseram que cada edição da edição Klaytn da Samsung do Galaxy Note 10 viria com uma quantidade desconhecida de KLAY.

O telefone também incluirá os vários recursos do Klaytn, que seu criador diz que todos pretendem reduzir a confusão em torno da tecnologia blockchain.

Porém, o novo produto estará disponível para venda apenas no mercado sul-coreano da Samsung.

Os smartphones Blockchain continuam dando as caras

As empresas não quiseram comentar sobre o lançamento. Como o Cointelegraph reportou, a Samsung já lançou um smartphone habilitado para blockchain no começo em março, o Galaxy S10.

Outras operadoras fizeram o mesmo, com outra nova oferta anunciada apenas alguns dias atrás. A Whole Network, uma startup apoiada pela exchange de criptomoedas Huobi divulgará formalmente seu Acute Angle de US$ 500 na semana que vem.

“À medida que o setor se desenvolve e  inovações como o 5G se tornam cada vez mais integradas a nossos sistemas de telecomunicações, acreditamos que cada vez mais comunidades de cripto desejem negociar e fazer transações a partir de dispositivos móveis”, comentou o CEO global da Huobi, Livio Weng.