Governo russo planeja subsidiar custos elétricos de mineração de Bitcoin

O jornal russo Izvestiya informou que o governo russo pretende subsidiar o custo da eletricidade para os mineiros de criptografia.

O relatório indica que o governo russo, através do Instituto para o Desenvolvimento da Internet (IRI) e a Associação Russa de Blockchain e Criptomoeda (RABIK), apresentaram planos para reduzir os custos de eletricidade para os mineradores de Bitcoin russos.

Embora o relatório não dê especificações de localização, ele explica que o custo da mineração na Rússia é alto, embora a Rússia tenha um excesso de oferta substancial de eletricidade. O relatório afirma:

"A maior usina de criptomoedas na Rússia consome 4,5 mWh no total, ou 3.240 mW por mês. O custo de 1 kWh, dependendo da região, é de 2 a 5,3 rublos. Além da legalização da criptomoeda na Rússia, é necessário criar condições mais favoráveis ​​para o trabalho dos mineradores ".

O relatório mostra a contínua dedicação da Rússia às criptomoedas e à tecnologia Blockchain, apesar das recentes declarações de que as criptomoedas não são para pessoas comuns.


Siga-nos no Facebook