Pesquisadores descobrem milhares de grupos de pump-and-dump de cripto em aplicativos de mensagens

Existem milhares de grupos de pump-and-dump em aplicativos de mensagens populares, revelou um estudo realizado pela Social Science Research Network (SSRN) em 18 de dezembro.

Pump-and-dump é a prática fraudulenta de perpetradores que encorajam investidores inconscientes a comprar um ativo para inflacionar seu preço artificialmente e depois vendê-lo quando o preço fica alto o suficiente.

Esta prática não é nova, a Cointelegraph informou no ano passado sobre os grupos de Telegram que organizam pump-and-dump. Os dados recém-publicados, no entanto, “sugerem que o fenômeno [pump-and-dump] é generalizado e, muitas vezes, bastante lucrativo”.

De acordo com um artigo sobre o estudo, publicado pela Bloomberg em 19 de dezembro, os pesquisadores identificaram 4.818 tentativas de pump-and-dump entre janeiro e julho deste ano, estudando dados coletados das plataformas de mensagens Telegram e Discord.

Os acadêmicos admitem que, embora os esquemas de pump-and-dump revisados ​​por eles tenham sido conduzidos de maneira semelhante aos que já ocorreram no passado, “a recente explosão de quase 2.000 criptomoedas em um ambiente amplamente não regulamentado expandiu enormemente o escopo para Abuso."

O documento observa que “fazer bombar (pump) moedas obscuras (com baixo volume) é muito mais lucrativo que bombar moedas dominantes no ecossistema”, mas ao mesmo tempo “o Bitcoin não está imune ao fenômeno de pump-and-dump”. O relatório conseguiu identificar 76 grupos de pump-and-dump de Bitcoin (BTC) no Telegram e seis no Discord.

Como a Cointelegraph informou neste mês, dois projetos que tratam da manipulação do mercado de cripto, apelidados de “A Lei de Proteção ao Consumidor em Moeda Virtual de 2018” e “O Mercado de Moeda Virtual dos EUA e Lei de Competitividade Regulatória de 2018”, compilados em meados de novembro, devem ir antes à Câmara dos Representantes dos Estados Unidos.

A segunda maior bolsa de valores do mundo, a NASDAQ, disse em novembro que sua tecnologia de vigilância de mercado pode "acabar com a manipulação" nos mercados de cripto. O primeiro cliente cripto da NASDAQ que adotou seu sistema de vigilância é a Gemini, a exchange cripto de propriedade dos gêmeos Winklevoss.