Pesquisa mostra que empresas britânicas estão diversificando os estoques de cripto e não estão mais focadas no BTC

A empresa de serviços tecnológicos Citrix encomendou um estudo One Poll mostrando que 50% das empresas britânicas estão acumulando criptomoedas, mas, de acordo com o blog oficial da Citrix, somente 7% investem exclusivamente no Bitcoin (BTC).

Quem foi pesquisado?

O estudo pesquisou 750 "decisores de TI" do negócio britânico que têm equipes de 250 pessoas ou mais. Essas empresas pesquisadas relataram que tinham em posso uma média de 24 BTC, o que é equivalente a cerca de US $ 230.000 no momento da publicação.

Que moedas eles possuem?

De todas as empresas pesquisadas, 93 por cento contaram que diversificaram seus investimentos na criptomoeda além do Bitcoin. 53 por cento delas possuem Litecoin (LTC), enquanto 43 por cento têm Ethereum (ETH), 33 por cento possuem Ripple (XRP) e 29 por cento são proprietários de Dash.

Após o aumento do Bitcoin até US $ 20.000 e, em seguida, a queda para abaixo de US $ 7000, a Citrix relata que algumas das empresas pesquisadas tiveram "lucros satisfatórios" vendendo seu BTC quando o preço estava alto. Como recentemente o BTC está passando por um aumento gradual no preço, a pesquisa mostrou que 38 por cento das empresas que possuíam BTC estão pensando em vender, enquanto 5 por cento não tem planos de vender BTC no futuro próximo.

Por que eles decidiram comprar criptomoedas?

A Citrix informa que apenas 4% das empresas pesquisadas estão comprando o Bitcoin como preparação para um ataque de resgate. Wannacry, um dos ataques de resgate mais destrutivos deste ano, visou o Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido.

Das empresas pesquisadas, 40% vão usar criptomoeda para pagar provedores diferente dos 32% que vão a usar para pagar os funcionários. 27 por cento planejam usar as criptomoedas junto com contratos inteligentes e a tecnologia Blockchain, 27 por cento para angariação dos fundos e treinamento e 17 por cento para atividades de pesquisa e desenvolvimento.

Quais são os riscos de segurança de acumulação de criptomoeda?

64 por cento das empresas pesquisadas que possuem BTC acreditam que o aumento do preço do BTC tem influenciado os cibercriminosos que atacaram seus fundos em BTC. no geral, 18 por cento dos negócios pesquisados também temem que seus fundos em criptomoeda colocá-los em risco de roubos internos.

A maioria das empresas que estão em posso de criptomoeda levam a segurança cibernética a sério, de acordo com a pesquisa, já que somente 5% relataram que não tomaram nenhuma preocupação para proteger seus fundos em criptomoeda. Os procedimentos de backup são utilizados por 52 por cento das empresas pesquisadas, armazenamento frio ou off-line por 36 por cento, carteiras múltiplas por 36 por cento, um computador dedicado ou com extra proteção por 35 por cento, e 22 por cento exigem controle duplo para que várias pessoas sejam necessárias para acessar os recursos em criptomoeda.

O que essas empresas prevêem para o futuro?

Tendo em mente que os mercados de criptomoeda recentemente são voláteis, 35 por cento pensam que a criptomoeda pode cair, e 34 por cento dizem que a volatilidade está impedindo que eles adicionem mais criptomoeda aos seus estoques. 18 por cento temem que não poderão sacar seus fundos de criptomoeda em fiat quando vão querer fazer isso.