Relatórios: Bitmain supostamente demite todos os desenvolvedores de BCH em onda de redundâncias

O gigante de mineração de criptomoeda Bitmain supostamente demitiu toda sua equipe de desenvolvedores de Bitcoin Cash (BCH), informou o CSO da Blockstream Samson Mow citando fontes de redes sociais chinesas em 23 de dezembro.

Na segunda fase do que parece ser um momento de perda de pessoal para a Bitmain, cerca de 50 trabalhadores deverão entrar nesta semana.

As mensagens acompanham relatórios da versão chinesa do LinkedIn que alertam sobre uma gigantesca onda de redundâncias visando metade da força de trabalho de 2.500 pessoas da Bitmain, com rumores circulando no Twitter depois de terem sido enviados pelo parceiro fundador e comentarista da Primitive, Dovey Wan.

De acordo com Wan, tais relatórios de redes sociais são “geralmente muito precisos, postados pelos próprios funcionários”.

Os desenvolvedores do BCH que foram supostamente demitidos formavam a equipe Copernicus da Bitmain e estavam trabalhando no cliente Bitcoin Cash GO da empresa.

“Apenas 1 semana de antecedência. Alguns acabaram de ingressar na empresa”, acrescentou Mow.

No início deste mês, a Bitmain anunciou o fechamento completo de seu laboratório de desenvolvimento de blockchain em Israel, em meio aos preços baixos nos mercados de Bitcoin (BTC) e altcoins, resultando no desaparecimento de 23 empregos.

A controvérsia em torno dos planos para conduzir uma oferta pública inicial (IPO) em Hong Kong, enquanto isso, continua. Com rumores que surgiram na grande mídia na semana passada de que os reguladores estão preocupados com o estado volátil dos mercados de criptomoedas.

A Bitmain ainda não emitiu comentários oficiais sobre as demissões ou o progresso da IPO.