Equipe do presidente monitorando criptomoedas

Como parte do relatório de imprensa habitual da Casa Branca, a Assessoria de Imprensa do Presidente deixou claro que a Casa Branca estava monitorando as criptomoedas. Além disso, o Departmento de Segurança Interna também fez parte da conversa.

Enquanto a conferência de imprensa variou amplamente em tópicos, incluindo as postagens do Twitter do presidente Trump e o estreptococo na garganta da Secretária de Imprensa, a questão das criptomoedas surgiu através de perguntas dos repórteres.

De acordo com o secretário, o tema foi abordado esta semana durante uma conversa com a Segurança Interna e, embora não fossem feitas declarações específicas, ficou claro que o gabinete do presidente estava ciente e monitora a situação atual. De acordo com a transcrição:

"[Repórter]: O Presidente já seguiu isso - o Bitcoin especificamente, a principal alta nele? Ele tem uma opinião sobre isso? Ele sente ou a administração sente que agora é algo que precisa ser regulado pelo governo? SRA. SANDERS: Eu sei que isso é algo que está sendo monitorado por nossa equipe aqui. Em termos de briefings e anúncios específicos, não tenho nada que possa compartilhar com você no momento, mas ficaria feliz em acompanhar com você ... Veja, é um problema, eu sei que Tom Bossert, junto com a equipe da segurança interna e um assessor do presidente, trouxeram isso para uma reunião no início desta semana. Eu sei que é algo que ele está vigiando. E vamos mantê-lo informado quando tivermos algo mais adiante.

A questão e a resposta revelam que o Bitcoin tornou-se um ponto de consciência nacional. Embora não tenha sido feita nenhuma declaração específica, a adoção crescente e os picos de preços claramente trouxeram as criptomoedas para a vanguarda da mente americana.