A mais antiga casa de câmbio chinesa de Bitcoin a BTCC foi comprada por um fundo de investimentos de Hong Kong

A casa de câmbio de Bitcoin, a BTCC, anteriormente conhecida como BTC China, foi adquirida por um fundo de investimentos baseado na tecnologia Blockchain sediado em Hong Kong em termos que ainda não foram divulgados, a empresa revelou em um post do blog na segunda-feira, 29 de janeiro.

Calvin Cheng, um assessor do fundo de investimentos cujo nome ainda não foi revelado, expressou sua excitação em relação à aquisição da mais antiga casa de câmbio de Bitcoin na China, dizendo que eles se sentem "humildes" pela oportunidade.

De acordo com o comunicado de imprensa da BTCC, a empresa agora se concentrará em três grandes áreas de mercado, que são da BTCC internacional mineração, software de carteira e seu próprio câmbio de criptomoedas.

O co-fundador do BTCC Bobby Lee expressou sua confiança no futuro após o acordo, dizendo que ele está "muito entusiasmado com os recursos que farão com que o BTCC cresça mais rápido e agressivamente [como] empresa em 2018 e depois."

A empresa enfrentou uma batalha árdua para crescer, desde que efetivamente foi expulsa da sua base doméstica em Xangai, na China, em setembro, devido ao governo chinês proibir o comércio de criptomoedas no país. Desde então, a empresa criou uma nova base de operações em Hong Kong, e agora terá o capital para continuar sua reconstrução da marca.