Nigéria expande seu criptouniverso com o lançamento da casa de câmbio Bitkoin.Africa

Uma casa de câmbio dedicada ao Bitcoin para a África foi lançada após uma fase de desenvolvimento de quatro meses de programadores com base na Nigéria.

Anunciada no domingo pelo desenvolvedor principal Timi Ajiboye, a inequivocadamente chamada Bitkoin.Africa procura proporcionar oportunidades comerciais legítimas para os detentores locais de criptomoeda.

"Estamos lançando hoje 1 de outubro de 2017. Com suporte total para a Nigéria e apoio parcial (apenas para compras) para todos os outros países", confirmou Ajiboye no Twitter.

O movimento marca um passo encorajador para a Nigéria, que frequentemente aparecia as manchetes por razões erradas em relação ao uso ilícito e avisos legais falsos que envolvem o Bitcoin.

Em outros tuítes, Ajiboye confirmou que a plataforma possui um serviço de custódia automatizado e a capacidade de comprar Bitcoin usando Visa e MasterCard.

Listas de compras atualmente giram em torno de 1.650.000 naira por Bitcoin, cerca de US $ 150 mais do que as spot rates em casas de câmbio como a Bitstamp na Europa.

O lançamento marca um novo "spin-off" nigeriano de ferramentas populares baseadas em Bitcoin. Em julho, a Overstock pareceu "inspirar" o Shopnow.ng, um site de comércio eletrôncio exclusivo em Bitcoin que oferece uma gama de produtos disponíveis para compra estritamente com criptomoedas.

O site atualmente lista uma taxa mais vantajosa em naira, cerca de um milhão abaixo da Bitkoin.Africa.

A Nigéria já goza de casa de câmbio dedicadas como a NairaEx e a Remitano, enquanto a plataforma de pagamentos e remessas do Quênia BitPesa também está estabelecendo uma posição firme no país.