Nasdaq e CryptoCompare fazem parceiria em produto de precificação de cripto voltado para instituições

A Nasdaq, segunda maior bolsa de valores de ações do mundo, e a CryptoCompare, parceira de dados de cripto, fizeram uma parceria para lançar um produto de precificação de cripto destinado a investidores institucionais. A notícia foi revelada em um comunicado de imprensa compartilhado com o Cointelegraph em 11 de junho.

O novo produto, batizado "Nasdaq/CryptoCompare Aggregate Crypto Reference Prices", será disponibilizado na Qandl, plataforma da Nasdaq - que supostamente fornece conjuntos de dados financeiros e econômicos alternativos a mais de 400.000 profissionais financeiros em todo o mundo.

O novo produto de precificação Nasdaq/CryptoCompare será baseado nos conjuntos de dados de índices agregados da CryptoCompare, que fornecem dados de preços minuto-a-minuto dos mercados de cripto que possuem a maior liquidez.

O produto visa melhorar as capacidades dos investidores institucionais nos mercados de cripto, através de "estratégia de negociação, pesquisa quantitativa, modelagem de risco, cálculos de NAV e back-testing", observa o comunicado de imprensa.

Em um comunicado oficial, o CEO e cofundador da CryptoCompare, Charles Hayter, argumentou que “dados confiáveis ​​são o alicerce de mercados transparentes e líquidos” e pode oferecer a investidores institucionais e traders globais uma vantagem competitiva no setor de cripto.

No final de 2018, a Nasdaq havia aparentemente confirmado seus planos de lançar futuros de Bitcoin no primeiro semestre de 2019, tendo postergado o planejado lançamento antecipado.

Em fevereiro de 2019, a Nasdaq começou a listar dois índices de preços de cripto do mercado de blockchain americano e o Bravo New Coin (BNC), incluindo o Bitcoin Liquid Index (BLX) e o Ethereum Liquid Index (ELX).

A CryptoCompare, por sua vez, fez uma parceria com a importante plataforma de derivativos de cripto BitMEX para construir conjuntamente um banco de dados de futuros de cripto em tempo real, que será entregue ao provedor de dados de mercados financeiros Refinitiv.