O CEO da gigande de mineração Bitmain, Wu ‘está aberto para IPO em Hong Kong, diz relatório

O CEO da gigante de hardware de mineração cripto Bitmain, Jihan Wu, confirmou que está "aberto" para realizar uma oferta pública inicial (IPO), no exterior ,reportou a Bloomberg hoje, 7 de junho.

Falando em uma entrevista em Hong Kong, Wu, que alega ter até 28% da Bitmain com sede na China, disse que um IPO na região - ou em qualquer mercado em que as ações denominadas em dólares dos EUA - seriam adequadas como um meio de permitir que os financiadores iniciais obtenham fundos.

O movimento em potencial imitaria a Canaan, uma dos principais concorrentes da empresa, que anunciou sua intenção de lançar um IPO no mês passado.

A Canaan ocupa cerca de 15% do mercado de chips de mineração Bitcoin, enquanto a fatia da Bitmain ainda é facilmente a maior, com 75%. "A Bitmain está se esforçando muito para manter sua vantagem", disse Wu à Bloomberg.

Se isso acontecer, a empresa pode atrair uma valorização significativa dos investidores de Hong Kong, devido à vantagem inicial, disse Kevin Wang, analista da Mizuho Securities Asia, à Bloomberg. "Eles terão um prêmio por sua avaliação, porque há muito poucas" outras opções, disse ele. “Mas a sustentabilidade do negócio é o ponto de interrogação.”

A mineração de Bitcoin continua sendo um negócio em escala industrial, atraindo grandes custos. Em maio, o Cointelegraph publicou pesquisas que prevêem que a indústria de criptomoeda consumirá 0,5% da energia total do mundo até o final de 2018.