Manipulação? Queda relâmpago nos futuros de Bitcoin do CME vem para preencher o 'buraco' de US$ 8.500

A negociação de Bitcoin (BTC) está sob os holofotes esta semana, depois que outra queda relâmpago provocou preocupações de que os traders estão manipulando os mercados.

Como observaram vários usuários de mídias sociais, incluindo o estatístico Willy Woo em 5 de novembro, ocorrências incomuns nas exchanges dão motivos para criticar os movimentos de preços do Bitcoin.

Woo: eu sou "altamente suspeito" com o par BTC/USD

Conforme relatado pelo Cointelegraph, na semana passada houve um comportamento irregular repentino em duas exchanges - Deribit e Coinbase Pro - que pareciam influenciar o par BTC/USD.

Na terça-feira, foram os futuos de Bitcoin do CME Group que seguiram a tendência. No início das negociações, os futuros do par BTC/USD subitamente caíram para abaixo de US$ 8.500, antes de se recuperar para US$ 9.300.

CME Bitcoin futures daily chart

Gráfico diário de futuros de Bitcoin do CME. Fonte: TradingView

Esse nível mais baixo anteriormente formou um buraco nas negociações de futuros - quando uma sessão começa mais alto do que onde a última terminou. Os analistas observam que o Bitcoin geralmente procura "preencher" esses buracos, mas, neste caso, o fez com recursos mínimos.

“Eu não posso acreditar o quão louco é negociar o BTC/USD no curto prazo agora. O buraco no CME já foi preenchido. Ele é pouco negociado sim. Mas, cara, eu desconfio muito da ação dos preços em todas as exchanges nos últimos tempos, mais do que o normal”, resumiu Woo.

O colaborador do Cointelegraph filbfilb reagiu de maneira semelhante, observando a natureza incomum do preenchimento de preços no CME.

"Não sei o que aconteceu lá!", Disse ele aos assinantes de seu canal de negociação dedicado no Telegram na terça-feira.

Para os analistas de baixo nível do Twitter, o comportamento foi um "bom exemplo" de manipulação de mercado.

“Se você der uma olhada no meu 'tuíte' original, todo o volume ficou gravado antes do despejo. Mas no gráfico de 1 minuto, parece que fazia parte de todo o movimento. Isso se chama pintar a fita”, escreveu a conta.

Cortina de fumaça no preço BTC?

O Bitcoin passou por duas grandes subidas nas últimas semanas, desafiando o sentimento anterior de que os mercados permaneceriam mais baixos nos meses antes do evento de halving de maio de 2020.

Os movimentos pareciam surpreender os analistas, com o par BTC/USD registrando seus segundo maior ganho diário na história no final do mês passado.

A longo prazo, 2019 tem sido caracterizado por períodos de estabilidade de preços pontuados por movimentos repentinos de alta e baixa ocorrendo em questão de minutos ou horas.