LocalBitcoins anuncia supervisão pela Autoridade Financeira da Finlândia

A exchange internacional de criptomoedas peer-to-peer (P2P) LocalBitcoins logo será supervisionada pela Financial Supervisory Authority da Finlândia, conforme anunciado pela empresa em seu blog nesta segunda-feira, 25 de março.

A LocalBitcoins, com sede em Helsinki, escreveu que o Parlamento finlandês aprovou em 13 de março deste ano uma nova legislação que fornecerá um status legal para os ativos de criptomoedas.

A órgão legislador aprovou a proposta para uma nova lei sobre Provedores de Serviços de Moedas Virtuais que deverá entrar em vigor em novembro de 2019.

O parlamento também votou por uma emenda à Lei sobre Detecção e Prevenção de Lavagem de Dinheiro e Financiamento do Terrorismo que englobará todos os serviços relacionados às criptomoedas, tais como provedores de carteiras e exchanges sob as leis contra lavagem de dinheiro (AML).

De acordo com a LocalBitcoins, a adoção dos leis contribuirá para o reconhecimento público das criptomoedas, apresentando a principal criptomoeda, o Bitcoin (BTC), como uma rede financeira viável e legítima.

Junto com o anúncio de regulamentação, a LocalBitcoins também afirmou que está desenvolvendo ferramentas para aumentar o compliance com os reguladores.

Em 18 de março, a LocalBitcoins lançou um novo processo de registro de conta e agora está trabalhando em um processo de verificação de identidade mais eficiente e seguro. A empresa observou que as contas corporativas passarão por um processo de verificação separado.

Anteriormente, o Cointelegraph informou que uma exchange de criptomoedas e serviço de carteira da Finlândia enfrentava problemas com bancos locais que se recusavam a trabalhar com negócios relacionados às criptos. Especificamente, a plataforma Prasos tornou-se um assunto de preocupação entre os bancos, com pelo menos quatro bancos se recusando a negociar com a entidade.

No início deste ano, o Cointelegraph também informou sobre um ataque de phishing que levava a um clone do site da LocalBitcoins através de um link postado no fórum oficial da empresa. Como resultado, os supostos atacantes haviam conseguido roubar cerca de US$ 28.000 em Bitcoins.